Início > Artigo > Angola vai seleccionar emigrantes, empresas e projectos portugueses



ABRAÃO GOURGEL:

Angola vai seleccionar emigrantes, empresas e projectos portugueses


O anúncio foi feito por Abraão Gourgel, ministro da Economia de Angola. O governante explicou, durante uma conferência de imprensa promovida pela Câmara de Comércio e Indústria Portugal-Angola que esta "emigração selectiva" irá ser usada em processos de deslocalização de empresas, de investimento directo e para empreendedores detentores de conhecimento e de capital. Abraão Gourgel adiantou que, para estes casos, se irá desburocratizar e agilizar os processos de concessão de vistos.

O ministro da Economia angolano, que estava acompanhado pelo seu homólogo português, Álvaro Santos Pereira sublinhou que o seu país está disposto a receber empresas nacionais "que tenham dificuldades de tesouraria graves, mas que tenham potencial tecnológico".

Entre as actividades a que Angola dá prioridade, neste quadro, contam-se a agricultura, pecuária, pescas, materiais de construção, mecânica industrial e as indústrias transformadora e mineira.

Parceiro angolano ajuda a ter financiamento
O facto de a nova lei angolana estipular que só investimentos iguais ou superiores a um milhão de dólares (773 mil euros ao câmbio de ontem) podem ter acesso a incentivos fiscais, não constitui, segundo Abraão Gourgel, um obstáculo à entrada de pequenas e médias empresas portugueses em Angola.

"Um investimento abaixo deste montante é pouco intenso em capital e o seu impacto será pequeno", defendeu o governante. Além disso, afirmou, as PME "podem ter acesso a financiamento, combonificação, desde que o parceiro angolano tenha mais de 50% do capital".

Álvaro Santos Pereira adiantou que o seu encontro com Abraão Gourgel serviu para fazer a"identificação de parcerias e joint-ventures" entre os dois países, com o objectivo de "fomentar a integração e a cooperação económica entre os dois países.

fonte
 




Data: 2012-01-25

 Vídeo

Sobrevoando a Restinga e a cidade do Lobito (Angola)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Francisca Chambal

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Robledo Gioia

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Sandra Augusto

 VI CONGRESSO DA APLOP - Abertura do Painel I - Lídia Sequeira

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Adriano Rosamonte

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Augusto Fernando Cabi

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Madalena Neves

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Fernando Nunes da Silva

 Congresso Intercalar Portos CPLP - Rio de Janeiro – Domingos Fortes (1)

 “EXPERIÊNCIA DO PORTO DE LEIXÕES NA FORMAÇÃO PORTUÁRIA”- Matos Fernandes (1)

 IV Encontro de Portos da CPLP – Menção Honrosa a Lima Torres

 IV Encontro de Portos da CPLP - Sessão de encerramento - Franklim Spencer

 “GEOPOLÍTICA DO MAR” - Carlos Manuel Mendes Dias (1)

 Novo Porto do Dande - Domingos Fortes (1)

 IV Encontro de Portos da CPLP - Franklin Spencer

 «Há muito potencial de crescimento nas relações comerciais Portugal/Brasil» (1)

 Porto de Luanda - 1955

 III Encontro de Portos da CPLP - Adalmir José de Sousa

 III Encontro de Portos da CPLP – Apresentação da Mesa de Honra

 III Encontro de Portos da CPLP - Estudo de mercado - (13) – Debate

 Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)

Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)