Início > Artigo > Vale acorda linha férrea com o Malawi para exportar carvão a partir de Nacala



MOÇAMBIQUE

Vale acorda linha férrea com o Malawi para exportar carvão a partir de Nacala


A Vale, empresa brasileira que explora carvão na mina de Moatize, província de Tete, assinou um contrato de concessão de linha férrea com o governo do Malawi. Com o acordo, aquela empresa vai construir e operar uma nova linha férrea na região sul daquele país vizinho.
A nova linha férrea faz parte do projecto da Vale de ligar a bacia de carvão de Moatize ao Porto de Nacala. A infra-estrutura de transporte ferroviário irá atravessar o Malawi a partir de Chikwawa, na região sul daquele país, numa extensão de 137 km até à Nkaya Junction, onde se irá ligar à actual linha para Nacala.

Para completar a ligação, haverá a necessidade de se reabilitar a actual linha a partir de Nkaya até Nayuci, na fronteira com a província do Niassa. Esta linha é, actualmente, operada pelos Caminhos de Ferro da África Oriental e Central (CEAR), cujos 51% das suas acções são controladas pela Companhia do Desenvolvimento do Corredor Norte (SDCN), esta que, por seu turno, é também controlada em 51% pela Vale.

O acordo de concessão foi assinado pelo ministro malawiano dos Transportes, Sidik Mia, e pelo director das Operações da Vale-Moçambique, Paulo Horta, segundo refere o comunicado da mineradora brasileira, citado pela Agência de Informação de Moçambique (AIM).

fonte

 




Data: 2012-01-02

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012

Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012