Início > Artigo > Necessárias novas infra-estruturas ferro-portuárias para escoar carvão de Moatize



MOÇAMBIQUE

Necessárias novas infra-estruturas ferro-portuárias para escoar carvão de Moatize


Paulo Zucula, ministro dos Transportes e Comunicações de Moçambique, referiu que o país necessita de construir novas infra-estruturas ferro-portuárias de forma a garantir o escoamento do mineral extraído em Moatize, depois de divulgadas as previsões que apontam para uma produção de carvão em Moçambique na ordem dos 100 milhões de toneladas até ao ano de 2020.

O ministro dos Transportes e Comunicações de Moçambique referiu que "há muito mais por investir" depois de ter percorrido alguns quilómetros da linha ferroviária do Sena na companhia de uma delegação do Banco Mundial, instituição que já aplicou na reconstrução daquela linha de caminho-de-ferro entre 180 a 190 milhões de dólares e entre 15 a 20 milhões de dólares na dragagem do porto da Beira.

Sobre o facto do governo de Moçambique ter decidido devolver à estatal Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique a gestão da rede ferroviária do centro, pondo termo ao contrato de concessão que tinha sido assinado com a parceria indiana Ricon, Paulo Zucula referiu: “Quisemos ver como é que a empresa se está a preparar, quais são os planos e o que vamos fazer de imediato para de facto começarmos a trabalhar a sério para acabar a linha de Sena e intervir na de Machipanda, que nunca foi mexida (pelo antigo concessionário, a Companhia de Caminhos de Ferro da Beira)”.

Zucula acrescentou ainda que o governo está envolvido em conversações com o Banco Mundial, “nomeadamente no que respeita ao que vai ser feito de imediato para recuperar o atraso de três anos na linha de Sena bem como na de Machipanda, onde nada foi feito e que se encontra em avançado estado de degradação.”

fonte
 




Data: 2011-12-22

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Constituição da APLOP

Constituição da APLOP

Foto de família