Início > Artigo > Conheça o Projecto EAMNet



Conheça o Projecto EAMNet


O objectivo do projeto EAMNet é o de estabelecer uma rede de contactos ligando provedores de informação, redes de utilizadores e centros de excelência na Europa e em África, na área das observações costeiras e marítimas, com o objetivo de promover um desenvolvimento sustentável em África.

 

A rede vai incentivar o desenvolvimento de competências com base nas infra-estruturas e capacidades institucionais já existentes em África. O objectivo geral é de melhorar a utilização dos dados de observação da Terra para uma melhor monitorização costeira e oceanográfica, no sentido de desenvolver um Sistema de Observação Global dos Oceanos em África (GOOS- África - Global Ocean Observing System in Africa). Irá também permitir aceder a outros links com GEO e aceder ao Portal de dados, por favor veja a imagem à direita.

O sistema irá providenciar um ponto ligação entre os programas Europeus de vigilância terrestre (GMES - Global Monitoring for Environment and Security) e projectos I&D a si associados (em particular o projeto MyOcean), e iniciativas Africanas (por exemplo o projeto AMED) e GMES-Africanos.

 

A EAMNet é coordenada pelo Plymouth Marine Laboratory (PML) em conjunto com nove parceiros em África e na Europa.

 

Competências:

EAMNet:


•Organizar a exploração dos atuais e futuros dados marinhos produzidos na Europa e na África (por exemplo: MyOcean, OSI-SAF e DevCoCast) e divulgar estes dados via GEONETCast, sistema de transmissão via satélite que funciona de modo seguro e rápido.
•Harmonização de dados, melhoria e modificação de dados disponíveis de modo a permitir uma melhor exploração dos mesmos. Ampliação da rede de receção das estações GEONETCast.
•Contribuir com atividades de formação, organizadas no âmbito do AMESD, DevCoCast e outras iniciativas.
•Desenvolver módulos específicos de Observação Terrestre (EO) em cursos administrados por três Universidades Africanas. Coordenar I&D realizados em África, em consonância com os projetos GMES Europeus, através do intercâmbio de pessoal e de bolsas de estudos.
•Assegurar a comunicação entre os cientistas Africanos e Europeus (no domínio marítimo), organização de simpósios (em paralelo com as conferências AARSE e AMESD), manutenção de um portal web e publicação periódico de um boletim informativo (newsletter).
•Identificar as necessidades dos usuários Africanos para a prestação de serviços GMES.
•Contribuir para a implementação do Plano de Ação GMES e Parceria Áfricana (GMES and Africa Action Plan), seguindo a iniciativa de Lisboa (GMES e Africa). Este plano de ação deverá ser adotado na próxima cimeira EU-África.

FONTE
 




Data: 2011-10-29

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Constituição da APLOP

Constituição da APLOP

Foto de família