Início > Artigo > Porto do Rio de Janeiro regista salto no ranking de desempenho ambiental da Antaq



BRASIL

Porto do Rio de Janeiro regista salto no ranking de desempenho ambiental da Antaq


Na edição do Índice de Desempenho Ambiental (IDA) referente ao ano de 2019, divulgado pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários (ANTAQ), o Porto do Rio de Janeiro ganhou destaque entre os portos públicos por ter saltado da 30.ª posição em 2018 para a 23.ª posição em 2019. Na avaliação, o porto somou 57,68 pontos, 25 a mais em relação ao índice obtido em 2018.

O diretor de Relações com o Mercado e Planejamento da Companhia Docas do Rio de Janeiro (CDRJ), Jean Paulo de Castro e Silva, apontou as principais razões para o crescimento do Porto do Rio de Janeiro no ranking: “Destaco o fato de a empresa poder passar a contar com um reforço no seu quadro de profissionais qualificados em meio ambiente; o reforço orçamentário para investimentos em ações ligadas à sustentabilidade ambiental; o engajamento em fóruns locais, como a Rede ReciclaPorto Rio e a Comissão Local de Facilitação do Comércio (COLFAC); e a promoção de ações de educação ambiental, ligadas à coleta seletiva de lixo no âmbito do convênio com a Rede ReciclaPorto”.

Jean Paulo ressaltou que há muito espaço para evoluir, mas ele acredita que a CDRJ está no caminho certo neste ano de 2020: “A crise da pandemia do coronavírus exigiu que aprimorássemos ainda mais nossas ações de responsabilidade social e ambiental. Além das diversas ações de prevenção ao risco de contágio dos nossos colaboradores diretos, também nos engajamos em diversas campanhas com os usuários dos portos, como nas parcerias em campanhas de vacinação, doação de kits de segurança à saúde e de cestas básicas para as comunidades carentes do entorno”.

Ainda segundo o diretor, a CDRJ vem trabalhando com bastante afinco para mitigar os riscos de impactos ambientais negativos decorrentes das atividades dos arrendatários, para buscar o licenciamento operacional de todos os nossos portos e para melhorar a relação do porto com a comunidade do seu entorno. “Acreditamos que essas ações contribuirão para termos um resultado ainda melhor referente a este ano de 2020”, afirmou Jean Paulo.

No resultado dos outros portos administrados pela CDRJ, o Porto de Itaguaí saltou da 27a posição em 2018 para a 24a posição em 2019 (56,88 pontos); o Porto de Angra subiu da 26a posição em 2018 para a 25a posição em 2019 (52,77 pontos); e o Porto de Niterói se manteve na 22a posição no ranking (57,88 pontos).

O IDA é uma ferramenta de avaliação da Agência para medir o nível de comprometimento e engajamento das autoridades portuárias e dos terminais de uso privado nas questões de responsabilidade ambiental. Variando de zero a cem, o índice considera 38 indicadores, quantificando aspectos como licenciamento ambiental, quantidade e qualificação do corpo técnico especializado, prevenção de riscos, ações de educação ambiental e de promoção da saúde, dentre outros.
 


 



Data: 2020-08-14

 Vídeo

Sobrevoando a Restinga e a cidade do Lobito (Angola)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Francisca Chambal

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Robledo Gioia

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Sandra Augusto

 VI CONGRESSO DA APLOP - Abertura do Painel I - Lídia Sequeira

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Adriano Rosamonte

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Augusto Fernando Cabi

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Madalena Neves

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Fernando Nunes da Silva

 Congresso Intercalar Portos CPLP - Rio de Janeiro – Domingos Fortes (1)

 “EXPERIÊNCIA DO PORTO DE LEIXÕES NA FORMAÇÃO PORTUÁRIA”- Matos Fernandes (1)

 IV Encontro de Portos da CPLP – Menção Honrosa a Lima Torres

 IV Encontro de Portos da CPLP - Sessão de encerramento - Franklim Spencer

 “GEOPOLÍTICA DO MAR” - Carlos Manuel Mendes Dias (1)

 Novo Porto do Dande - Domingos Fortes (1)

 IV Encontro de Portos da CPLP - Franklin Spencer

 «Há muito potencial de crescimento nas relações comerciais Portugal/Brasil» (1)

 Porto de Luanda - 1955

 III Encontro de Portos da CPLP - Adalmir José de Sousa

 III Encontro de Portos da CPLP – Apresentação da Mesa de Honra

 III Encontro de Portos da CPLP - Estudo de mercado - (13) – Debate

 Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012

Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012