Início > Artigo > Atraso na alocação de verbas paralisa obras do terminal marítimo do Soyo



ZAIRE, ANGOLA

Atraso na alocação de verbas paralisa obras do terminal marítimo do Soyo


As obras do terminal fluvial e marítimo do município do Soyo, província do Zaire, com uma grau de execução física na ordem dos 85 por cento, estão paralisadas há mais de um mês, devido ao atraso na alocação dos 29% da verba do orçamento global da empreitada.

A informação foi avançada à imprensa pelo encarregado da obra da empresa chinesa “CHEC”, Chen Shaoke, à margem da visita que o ministro do Comércio, Joffre Van-Dúnem Júnior, acompanhado pelo governador do Zaire, Pedro Makita Aramando Júlia, efectuaram ao projecto.

Iniciadas em Novembro de 2016, as obras do terminal fluvial e marítimo de passageiros e carga do Soyo têm a previsão de conclusão Dezembro deste ano.

Por seu turno, o fiscal da obra Dario Ngola, assegurou que esforços estão a ser envidados pelo Ministério dos Transportes junto ao Ministério das Finanças para a disponibilização da tranche em falta para a conclusão dos trabalhos em tempo oportuno.

Mostrou-se esperançado que a verba seja cabimentada nos próximos dias, tendo em conta o engajamento do Executivo no relançamento da rede de cabotagem de transporte fluvial e marítimo de passageiros e carga, sobretudo na região norte de Angola entre as províncias do Zaire, Cabinda e Luanda.

As obras de construção do terminal do Soyo incluem um edifício principal, com os respectivos espaços comerciais, bem como uma ponte cais e aéreas de carga e descarga.

fonte


 



Data: 2019-09-28

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)

Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)