Início > Artigo > Em busca da Colónia perdida



Em busca da Colónia perdida


Brent Lane cresceu fascinado pelas lendas da Colónia Perdida e tem uma reprodução actual do mapa pintado a aguarela de White. Em 2011, ficou curioso sobre dois remendos ténues na sua cópia. Quando os curadores colocaram o quadro sobre uma mesa retroiluminada, três meses mais tarde, o símbolo em forma de estrela de um forte apareceu sob um dos remendos. A localização do forte era igualmente surpreendente: não se situava na ilha de Roanoke, mas a cerca de 80 quilómetros de distância, no início do estreito de Albemarle – correspondendo à referência de White de que os colonos planeavam mudar-se “cinquenta milhas para o interior”. E em cima deste remendo estava o contorno quase imperceptível de outro forte, possivelmente desenhado com algum tipo de tinta invisível à base de urina, indiciando que o remendo estava lá para esconder um segredo e não para corrigir um erro.

“Todas as gerações dos últimos quatrocentos anos deram continuidade a esta busca”, disse Brent Lane numa conferência de imprensa quando anunciou a descoberta. Contudo, “nenhuma delas tinha esta pista. É uma pista muito boa”.

Arqueólogos da First Colony Foundation, uma organização sem fins lucrativos da Carolina do Norte dedicada a arqueologia relacionada com Roanoke, decidiu investigar a zona indicada no mapa. Concentraram as suas atenções numa secção ao lado de uma enseada perfeita para esconder um navio de batedores espanhóis. Numa alusão à natureza misteriosa da descoberta, designaram-na como Sítio X.

ARTIGO DA NATIONAL GEOGRAPHIC PARA LER NA ÍNTEGRA AQUI


 



Data: 2019-07-02

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)

Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)