Início > Artigo > Redução de taxas potencia exportações



ANGOLA

Redução de taxas potencia exportações


O ministro dos Transportes, Ricardo de Abreu, afirmou, em Luanda, que as medidas de simplificação e redução das taxas, agora aprovadas, no quadro das modalidades de gestão da repartição de carga marítima no tráfego de e para Angola, visam potenciar as exportações do país.

O titular da pasta dos Transportes falava à imprensa, à margem da reunião da Comissão Económica do Conselho de Ministros que aprovou o decreto sobre a Simplificação e Redução das Taxas de Carga Marítima.

Em termos práticos, disse o governante, passa a existir uma redução dos custos à volta de 50 por cento a nível de todos os custos relacionados com importação de cargas, certificação de embarques e eventuais emolumentos a serem pagos na importação de bens ou mercadorias.

Para o governante, o impacto é assegurar a promoção das exportações e este esforço de se promover a competitividade dos produtos nacionais permite que haja outras condições a nível dos produtores nacionais.

“É um impacto que se dá quer ao país, quer para o lado externo. Nos cingimos ainda às matérias de transporte marítimo, pois que 90 por cento da nossa carga importada vem por mar”, referiu o ministro.

Ricardo de Abreu salientou que a ideia base é a da simplificação e a redução dos custos na economia nacional e naqueles sectores que tenham uma contribuição significativa.

fonte


 



Data: 2019-03-07

 Vídeo

Sobrevoando a Restinga e a cidade do Lobito (Angola)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Francisca Chambal

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Robledo Gioia

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Sandra Augusto

 VI CONGRESSO DA APLOP - Abertura do Painel I - Lídia Sequeira

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Adriano Rosamonte

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Augusto Fernando Cabi

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Madalena Neves

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Fernando Nunes da Silva

 Congresso Intercalar Portos CPLP - Rio de Janeiro – Domingos Fortes (1)

 “EXPERIÊNCIA DO PORTO DE LEIXÕES NA FORMAÇÃO PORTUÁRIA”- Matos Fernandes (1)

 IV Encontro de Portos da CPLP – Menção Honrosa a Lima Torres

 IV Encontro de Portos da CPLP - Sessão de encerramento - Franklim Spencer

 “GEOPOLÍTICA DO MAR” - Carlos Manuel Mendes Dias (1)

 Novo Porto do Dande - Domingos Fortes (1)

 IV Encontro de Portos da CPLP - Franklin Spencer

 «Há muito potencial de crescimento nas relações comerciais Portugal/Brasil» (1)

 Porto de Luanda - 1955

 III Encontro de Portos da CPLP - Adalmir José de Sousa

 III Encontro de Portos da CPLP – Apresentação da Mesa de Honra

 III Encontro de Portos da CPLP - Estudo de mercado - (13) – Debate

 Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)

Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)