Início > Artigo > Seychelles vão monitorizar pesca ilegal através de drones



Seychelles vão monitorizar pesca ilegal através de drones


As Autoridades da Pesca de Seychelles (SFA, na sigla inglesa) estão a coordenar um projecto para monitorizar a pesca ilegal através de veículos não tripulados (drones), denominado FishGuard, e que será integrado nas rotinas de patrulha da Força Aérea e da Guarda Costeira do arquipélago, segundo comunicado oficial.

“A SFA é uma parceira de liderança neste projecto, estando comprometida com a sua implementação para melhorar a forma como as autoridades combatem a pesca ilegal, não regulamentada e não reportada, especialmente na área mais a norte da nossa Zona Económica Exclusiva”, referiu Ronny Renaud, da SFA.

O projecto, que será testado em Outubro, com suporte da Guarda Costeira e da Autoridade de Aviação Civil que assegurará a segurança das operações, tem o intuito de diminuir significativamente a pesca ilegal na sua vasta zona económica exclusiva, que tem cerca de 1,37 milhões de quilómetros quadrados.

fonte


 



Data: 2018-10-02

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)

Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)