Início > Artigo > Angola ligada ao Brasil por cabo submarino em Fevereiro



Angola ligada ao Brasil por cabo submarino em Fevereiro


O primeiro cabo submarino a estabelecer uma ligação entre África e a América do Sul deverá chegar à costa do Brasil, concretamente a Fortaleza, Estado do Ceará, nos primeiros dias de Fevereiro, informa o presidente da empresa Angola Cables, António Nunes.

O presidente da empresa adiantou que o cabo submarino conhecido por SACS (South Atlantic Cable System), com uma extensão de 6500 quilómetros, permitirá que os países da América do Sul possam comunicar com a Europa sem necessidade de passar pelos Estados Unidos e que os países de África podem chegar aos Estados Unidos sem terem de passar pela Europa.

“O projecto SACS representa uma plataforma única para construir uma rede Sul-Sul à escala global”, adiantou António Nunes, citado pela imprensa especializada.

O cabo submarino SACS disporá de quatro pares de fibra óptica com uma capacidade de 40 Tbps (terabits por segundo), entrará em funcionamento no terceiro trimestre de 2018 e disporá de um tempo de espera de 63 milissegundos, que compara com 350 milissegundos na actual rota Angola-Europa-Brasil.

A empresa informou igualmente que a construção do centro de recepção e de dados de Fortaleza decorre dentro dos prazos programados.

A Angola Cables é uma empresa angolana de telecomunicações constituída em 2009 que opera no mercado grossista e que se dedica à exploração e comercialização de capacidade de circuitos internacionais de voz e dados nos cabos submarinos WACS (West Africa Cable System), MONET e SACS. (Macauhub)
 


 



Data: 2018-01-29

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Constituição da APLOP

Constituição da APLOP

Foto de família