Início > Artigo > Embarcações naufragam por violar limites da zona de pesca



ANGOLA

Embarcações naufragam por violar limites da zona de pesca


A maioria das embarcações que naufragam com pescadores a bordo em Angola se deve a violação aos limites da sua zona de pesca e o ministério vai tornar a fiscalização mais rigorosa em 2018, denuncia a ministra das Pescas, Victória de Barros.

As embarcações, segundo a titular da pasta das Pescas, têm um limite costeiro para exercer a actividade, por exemplo, se for uma de pesca artesanal tem uma faixa até às quatro milhas onde pode operar e constitui um problema de segurança ultrapassar tal limite.

Em relação à pesca semi-industrial, a sua faixa de actividade vai de quatro até a oito milhas da costa, ao passo que a industrial deve ser feita para lá das 15 a 20 milhas.

Victória de Barros defende a organização no sector das pescas, para que se consiga preservar o recurso, porque se se fizer uma pesca anárquica sem regras não se preservarão os mesmos.

Deu a conhecer que têm recebido muitas solicitações de embarcações que querem pescar em Angola, mas não podem atender a todas.

Explicou que anualmente o sector estipula uma biomassa (quantidade de recursos pesqueiros disponíveis para pesca) e a partir desta identificam os Totais Admissíveis para a Captura (TAC). Com base nisso fixa-se quantas embarcações podem pescar, as quantidade e as zonas onde realizar a actividade pesqueira.

fonte


VEJA UMA PLAYLIST COM DEZENAS DE VÍDEOS DO LOBITO, CATUMBELA E BENGUELA, CLICANDO NA IMAGEM

Lobito 2013 NO FACEBOOK - CENTENAS DE FOTOS E VÍDEOS



Data: 2017-11-19

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012

Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012