Início > Artigo > União Europeia financia obras de requalificação do Porto de São Tomé e Príncipe



União Europeia financia obras de requalificação do Porto de São Tomé e Príncipe


A União Europeia está a financiar as obras de requalificação do porto de São Tomé e Príncipe, avaliadas em cerca de 1,8 milhões de euros e cuja primeira fase termina ainda este ano.

É um projeto que tem por objetivo duplicar a atual capacidade do porto, aumentando o espaço para a “stocagem” dos contentores, passando de uma capacidade de 2.500 para 5.000 contentores.

Avaliado em cerca de 1,8 milhões de euros, o projeto será feito em duas fases cuja primeira fase terminará ainda este ano. Nesta primeira fase de acordo com o Ministro das Infraestruturas, Recursos Naturais e Ambiente, Carlos Vila Nova, “será de reposição de pisos de betão com consistência para suportar o peso, terá drenagem, um sistema de abastecimento de água subterrâneo, bocas-de-incêndio e iluminação geral”.

A segunda fase incluirá a utilização de outro espaço adjacente, está orçado em mais de 500 mil euros.


Mais informação


VEJA UMA PLAYLIST COM DEZENAS DE VÍDEOS DO LOBITO, CATUMBELA E BENGUELA, CLICANDO NA IMAGEM

Lobito 2013 NO FACEBOOK - CENTENAS DE FOTOS E VÍDEOS



Data: 2017-07-20

 Vídeo

PLAYLIST DE VÍDEOS LOBITO 2013

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)

Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)