Início > Artigo > Codeba sedia 3º Workshop de Desempenho Portuário da ANTAQ



BAHIA, BRASIL

Codeba sedia 3º Workshop de Desempenho Portuário da ANTAQ


Com o objetivo de motivar investimentos e desenvolver práticas para o alcance de melhores índices operacionais nos Portos de Salvador e Aratu-Candeias, o 3º Workshop de Desempenho Portuário foi realizado no Auditório da Codeba, promovido pela Unidade Regional da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (ANTAQ) em Salvador. O evento contou com a presença do Comandante do 2º Distrito Naval, Vice-Almirante Almir Guarnier Santos e dos mais de 80 profissionais entre operadores, arrendatários e outros que exercem atividades portuárias.

Durante a apresentação de desempenho dos Portos, o chefe da ANTAQ na Unidade Regional de Salvador, Alfeu Luedy, destacou o crescimento constante e contínuo de melhorias das pranchas (ritmo de embarque e descarga) em toda a carga de granéis sólidos, fertilizantes e minérios do Porto de Aratu-Candeias, superando as metas propostas pela ANTAQ. “Há pranchas que já cresceram, em média, 80% em relação a 2015, um feito notável”, destacou. Na área de granéis sólidos do Porto de Salvador também foi demonstrado um aumento de 50% em relação as pranchas de dois anos atrás. “E tudo isso é resultado direto do trabalho sinérgico ANTAQ-Codeba”, frisou Alfeu sobre a o movimento que considera uma natural evolução da Agência, de atuar para além da fiscalização e regulação.

O Workshop atingiu seu maior objetivo de provocar a comunidade portuária em investir na melhoria dos indicadores de produtividade e também sensibilizou representantes de outros portos, como nas edições anteriores. O subchefe da Unidade Regional da ANTAQ em São Paulo, Daniel Alves dos Santos, que participou do evento, garantiu que levará a iniciativa para o maior Porto da América Latina, o de Santos. “Fomos apresentados ao trabalho que Alfeu está desenvolvendo aqui, juntos aos operadores portuários. A gente mobilizou a diretoria da ANTAQ para conhecer e reproduzir este trabalho em Santos, pois temos também granéis que operam em cais público”, afirmou. Daniel enfatizou ainda a atuação da Agência hoje, se pautando no trabalho de pesquisa, para entender o processo e trazer formas de ganho para a atividade portuária.

Metodologia

Desde 2015, a Agência, por meio de equipes instaladas nos Portos de Salvador e Aratu-Candeias, coordena a apropriação e tratamento estatístico dos dados da movimentação de granéis sólidos e de contêineres. A metodologia definida é de controle estatístico do processo, com apropriação de prancha média e tempos de paralisação de cada operação de navio nos portos baianos.

A Agência Reguladora define metas anuais de crescimento da taxa efetiva de operação nos berços públicos e de redução dos tempos de paralisação nos berços, com o claro propósito de ganhos contínuos de produtividade. O resultado do controle da operação tem objetivos diretos, como identificação dos gargalos da operação e indução ao investimento produtivo que melhore os indicadores de movimentação de carga.


VEJA UMA PLAYLIST COM DEZENAS DE VÍDEOS DO LOBITO, CATUMBELA E BENGUELA, CLICANDO NA IMAGEM

Lobito 2013 NO FACEBOOK - CENTENAS DE FOTOS E VÍDEOS



Data: 2017-06-08

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012

Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012