Início > Artigo > Empresa cabo-verdiana de processamento de pescado suspende despedimento colectivo



Empresa cabo-verdiana de processamento de pescado suspende despedimento colectivo


A empresa de transformação de pescado Frescomar, da ilha cabo-verdiana de São Vicente, suspendeu o pré-aviso de despedimento de 301 trabalhadores, informou o Sindicato da Industria, Comércio e Serviços (SICS).

A informação foi avançada à imprensa cabo-verdiana pelo coordenador do sindicato Virtolino Castro, considerando que se trata de "um alívio" para os trabalhadores, informa a agência Lusa.

O sindicalista acrescentou que os trabalhadores estão agora em casa a gozar férias remuneradas e que depois vão regressar aos seus postos de trabalho "como se nada tivesse acontecido".

Virtolino Castro confirmou que a solução foi alcançada após uma reunião com a Frescomar, da qual não revelou mais pormenores, remetendo, porém, para uma conferência de imprensa que irá convocar esta semana, na cidade do Mindelo.

No dia 23 de dezembro, a Frescomar, com sede em São Vicente e com cerca de mil trabalhadores, entregou um pré-aviso de despedimento a 301 deles.

A empresa alegava "incerteza e falta de informações" em relação às negociações com a União Europeia relativamente à renovação da isenção de taxas aduaneiras (derrogação) aos produtos da pesca provenientes de Cabo Verde para o mercado europeu.

O despedimento dos trabalhadores foi encarado como uma forma de pressionar o Governo a negociar com a União Europeia a renovação da referida derrogação.

A empresa justificou a decisão com o facto de, a partir de 31 de dezembro, deixar de beneficiar de isenção de taxas na exportação dos seus produtos para a União Europeia, que representa 96 por cento do seu mercado.

Uma semana depois, o Governo cabo-verdiano pediu à empresa que reconsiderasse a decisão, estimando que a União Europeia renove, ainda na primeira quinzena deste mês, o regime que permite ao país exportar produtos de pesca com isenção aduaneira.

A Frescomar, a maior exportadora do país, é uma sociedade anónima cabo-verdiano-espanhola que obteve certificado de empresa franca em abril de 1997 para se dedicar à prática de transformação do pescado e sua comercialização, tendo a Europa como principal mercado.

fonte


VEJA UMA PLAYLIST COM DEZENAS DE VÍDEOS DO LOBITO, CATUMBELA E BENGUELA, CLICANDO NA IMAGEM

Lobito 2013 NO FACEBOOK - CENTENAS DE FOTOS E VÍDEOS



Data: 2017-01-18

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Constituição da APLOP

Constituição da APLOP

Foto de família