Início > Artigo > Ligação marítima ente Cabo Verde e Senegal prevista para Julho com o navio Diogue



Ligação marítima ente Cabo Verde e Senegal prevista para Julho com o navio Diogue


As autoridades cabo-verdianas e senegalesas estão a negociar, para o mês de Julho, a abertura de uma linha marítima entre Cabo Verde e Senegal, através do navio “Diogue”, da agência marítima COSAMA.

 

Em declarações à Inforpress, o vice-presidente da Câmara de Comércio, Indústria e Serviços de Sotavento (CCISS), Gil Évora, confirmou que, neste momento, estão a ser discutidas as questões essenciais para a concretização desta operação.

“Já recebemos a proposta do barco e vamos discutir este assunto na sexta-feira durante a reunião do conselho directivo”, informou Gil Évora.

Em Abril último, o responsável da COSAMA, Abdou Salam Kane, esteve em Cabo Verde no âmbito da visita do ministro das Pescas e Economia Marítima do Senegal, Oumar Gueye, e disse que o navio fará pelo menos duas viagens por mês.

Na primeira deslocação a Cabo Verde, o barco transportará cimento para a construção civil, aguardando-se a manifestação de interesse para o transporte de crustáceos, produtos agrícolas e frutas, avançou o empresário.

Os ministros das Pescas e da Economia Marítima do Senegal e de Cabo Verde aprovaram, em Abril deste ano, um memorando de entendimento sobre o transporte marítimo entre os dois países.

Oumar Gueye e Sara Lopes rubricaram também um documento que visa promover e desenvolver as trocas comerciais e as relações económicas e empresariais entre os dois países.

As duas partes, cuja cooperação na área das pescas data de Março de 1985, assinaram também um protocolo adicional ao acordo de cooperação pesqueira, visando reforçar a parceria na área do controlo sanitário e de certificação de produtos da pesca.

O protocolo prevê que o controlo sanitário e a certificação de produtos sejam realizados em conformidade com a regulamentação em vigor no Senegal e na União Europeia (UE) e o reforço da parceria contra a pesca ilegal, não declarada e não regulamentada.

fonte
 




Data: 2015-06-05

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Sandra Augusto

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)

Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)