Início > Notícias

Parlamento Europeu aprova acordos de pesca com Cabo Verde, Guiné-Bissau e São Tomé e Príncipe

O Parlamento Europeu (PE) aprovou protocolos aos acordos de pesca entre a União Europeia (UE) e Cabo Verde, a Guiné-Bissau e São Tomé e Príncipe, com base nas recomendações de três relatores portugueses.

Transformação digital na logística é uma inevitabilidade, dizem especialistas

Digitalização é a palavra de ordem da atualidade. Há algum tempo, discute-se o avanço da tecnologia na indústria e nos mais distintos setores económicos globais, assim como os benefícios que as inovações tendem a trazer para eles e para seus respectivos consumidores ao redor do mundo. Mas, ao contrário de tudo o que já foi visto até hoje, nunca na história houve um avanço tão significativo em termos de tecnologia em tão pouco tempo, inclusive na cadeia de suprimentos dos setores do retalho e de e-commerce.

ONU

Acordo de livre comércio em África adiado para 2021

A Comissão Económica das Nações Unidas para África (UNECA) anunciou que o acordo de livre comércio, cuja entrada em vigor estava prevista para julho, foi adiado para, pelo menos, 1 de janeiro de 2021.

Curto «orderbook» poderá acelerar recuperação do Shipping contentorizado no pós-COVID-19

Muitos são os analistas que comparam esta nova crise com a de 2008 (de índole financeira), mas quase todos discordam da configuração do processo de recuperação, que, desta vez, não será em «forma de V». Se nos focarmos apenas no Shipping contentorizado, encontramos cruciais diferenças entre o prisma de 2008 e o actual: no primeiro cenário, a lista de encomendas de novos navios correspondia a cerca de 50% da capacidade global, facto que atrapalhou decisivamente a recuperação económica do sector.

China Merchants e Alibaba juntam-se para promover projecto de portos inteligentes

O esforço global para lançar a implementação da tecnologia dos portos inteligentes encontrou, na sinergia estratégica da China Merchants Port Group com os grupos Alibaba e Ant Financia, um importante fôlego. A parceria alia nomes pujantes e globais, do domínio logístico, portuário e financeiro.
 

O núcleo da Terra pode esconder mais de cinco oceanos no seu interior

Um novo estudo sugere que o núcleo da Terra pode abrigar uma grande quantidade de água no seu interior. Segundo os investigadores, a quantidade pode chegar ao equivalente a cinco oceanos.

Muitos estudos comprovam que, sob os nossos pés, mais fundo do que o fundo dos mares e oceanos, existem grandes reservas de água. Há também evidências de que o elemento líquido está “incorporado” nos minerais do manto, especialmente na zona de transição, entre 400 e 700 quilómetros de profundidade.

QUE SONS FAZEM OS NARVAIS?

Cientistas captam áudio raro dos «unicórnios do Ártico»

Uma equipa de biólogos marinhos, com a ajuda de caçadores de baleias inuítes, reuniu uma coleção sem precedentes de vocalizações de narvais, conhecidos como os “unicórnios do Ártico”, oferencendo novas ideias sobre o comportamento destas criaturas.

Os narvais, conhecidos como os “unicórnios do Ártico”, são notoriamente difíceis de estudar devido à sua natureza nervosa e aos seus habitats hostis. Normalmente, os narvais são encontrados nas profundezas da superfície do Oceano Ártico, mas também aparecem nas costas do norte do Canadá e da Gronelândia.

Os narvais são pequenas baleias famosas pela sua presa em espiral que atinge comprimentos de até 3 metros de comprimento.

COVID-19

Confinamento pode custar 2 200 milhões ao comércio global. Euler Hermes admite retoma no 2º semestre

Depois de um choque de 22,5% em termos de valor, o comércio internacional poderá, mesmo após o fim do confinamento, situar-se abaixo de 90% do que registava antes da crise, estima a Euler Hermes.

As medidas de confinamento implementadas por todo o mundo para combater a propagação do novo coronavírus e a consequente retoma da atividade de forma desfasada entre países poderão custar 2,2 mil milhões de euros ao comércio internacional de mercadorias, o equivalente a uma subida de 11 pontos percentuais nas tarifas à importação por parte de todos os países, para os 17%, estima a Euler Hermes, acionista da COSEC – Companhia de Seguro de Créditos.
 

25 DE MAIO

Dia de África

O Dia de África (anteriormente chamado Dia da Liberdade de África e Dia da Libertação de África) é a comemoração anual da fundação da Organização da Unidade Africana (OUA), hoje conhecida como União Africana, a 25 de Maio de 1963. É comemorado em vários países do continente africano, assim como em todo o mundo.

2Africa: O cabo submarino da Facebook que vai ligar Portugal a África

A Facebook aliou-se a vários parceiros para um dos maiores projetos de cabos submarinos do mundo que vai ligar a Europa a África, com Portugal a ser um dos pontos de conexão.

O cabo de 37 mil quilómetros vai colocar o projeto 2Africa na lista dos maiores deste género. O objetivo da Facebook, em parceria com a China Mobile International, MTN, GlobalConnect, Orange, stc, Telecom Egypt, Vodafone e WIOCC é aumentar a conexão de Internet no continente africano e na região do Médio Oriente.

«Folha artificial» transforma água e luz em combustível de hidrogénio

Uma equipa de investigadores da Universidade Rice, nos Estados Unidos, criou um dispositivo movido a energia solar capaz de criar hidrogénio para combustível a partir de água. Os engenheiros dizem que a tecnologia é autosuficiente e relativamente barata de produzir.

Segundo o New Atlas, o sistema é composto por uma célula solar de perovskita, ligada a elétrodos feitos de um catalisador que eletrolisa a água. Assim que a luz atinge a célula, produz eletricidade que alimenta o catalisador, que posteriormente divida a água em oxigénio e hidrogénio. Estes elementos borbulham até à superfície, onde são recolhidos para uso.

Animal «mais comprido do mundo» descoberto na Austrália

Uma criatura aquática com pelo menos 47 metros foi captada, durante uma expedição científica feita pelo Schmidt Ocean Institute, na costa da Austrália.

Cientistas australianos documentaram, nos desfiladeiros submarinos de Ningaloo, no Oceano Índico, aquele que a comunidade científica acredita ser o animal mais comprido do mundo. O sifonóforo, da classe dos invertebrados marinhos, com um anel externo de pelo menos 47 metros de comprimento e características gelatinosas, foi descoberto a 610 metros de profundidade, durante uma expedição de um mês à costa australiana.

Comércio Mundial de Mercadorias em risco devido ao Coronavírus

A Organização Mundial do Comércio (OMC) prevê que a pandemia Covid-19 colocará em risco um terço do comércio mundial de mercadorias. As estimativas da OMC apontam para uma contracção entre 13% e 32%, em 2020. Neste sentido, estima-se que o efeito do Coronavírus no comércio mundial de bens para este ano será, no mínimo, de 2,25 mil milhões de euros, ou no máximo, 5,52 mil milhões de euros.

UNCTAD

Transporte marítimo é crucial na batalha contra a Covid-19

Enquanto o mundo luta contra a pandemia de coronavírus, o setor de transporte marítimo global está desempenhando um papel crítico na resposta ao vírus, de acordo com a Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (Unctad).

A Câmara Internacional de Transporte Marítimo (ICS) enviou uma carta a todos os governos para manter o comércio marítimo em movimento e a Unctad assinala a alta importância disso na luta contra o Covid-19.

SEGUNDO A ONU

Pandemia Covid-19 mostra importância de zona de comércio livre africana

A pandemia de Covid-19 mostra a importância da implementação da Zona de Livre Comércio Continental Africana (AfCFTA), que conta com adesão dos países de língua portuguesa, segundo a Comissão Económica da ONU para África (UNECA).

Na mais recente avaliação ao impacto da pandemia de Covid-19 no continente africano, a UNECA defende que a AfCFTA, com início previsto para Julho deste ano, deve manter o seu ímpeto, como um mecanismo para construir a capacidade de resistência a longo prazo e gestão da volatilidade.

Pandemia reduz volumes de comércio em portos globais

O choque mais repentino e de maior impacto para a economia global em pelo menos uma geração está a ser sentido em portos e outros centros de comércio internacional, com a batalha da Europa e Estados Unidos para conter a pandemia de coronavírus.

Nem crises modernas como a Grande Recessão, os ataques de 11 de setembro e a crise do petróleo de 1973 limitaram os fluxos comerciais com a rapidez e a força do covid-19.

Não há contentores suficientes para o comércio global continuar a fluir

A falta de contentores, que levou à acumulação de muitos produtos nos portos, pode ficar muito pior com as maiores precauções da China contra o coronavírus em relação aos navios que chegam.

BRASIL

Porto do Rio de Janeiro discute acordo operacional para melhoria do acesso aquaviário

Na 11ª reunião do Grupo de Trabalho (GT), responsável pelos estudos para melhoria do acesso aquaviário ao Porto do Rio de Janeiro, realizada na sede da Companhia Docas do Rio de Janeiro (CDRJ), iniciou-se a discussão de um acordo operacional para o uso de um software de calado dinâmico, com vistas a permitir o aumento do calado operacional máximo desse porto.

As vulnerabilidades do transporte marítimo

A exposição a vulnerabilidades devido a fatores externos ao mundo do transporte marítimo, é em alguns casos bastante grande. Ao longo dos tempos a globalização e a digitalização têm trazido mais e melhor informação, mas ao mesmo tempo continuamos a ter problemas do mundo moderno a afetar o transporte de mercadorias.

Ciberataques, acidentes com as cargas e navios, guerras comerciais entre países e pirataria continuam presentes na cadeia de transporte global. Nem sempre é fácil detetar esses problemas ou conseguir adiantar soluções antes dos mesmos acontecerem. Recentemente uma pandemia vulnerabilizou uma parte do globo, responsável por grande parte do comércio marítimo global. Será que estamos preparados para não ter as cargas a tempo e, em alguns casos, em condições?

ANGOLA

Ministério das Pescas procura soluções para atracagem de embarcações

A ministra das pescas e do Mar, Maria Antonieta Baptista, informou, no Sumbe, (Cuanza Sul) que decorrem negociações com o Ministério dos Recursos Minerais e Petróleos para a utilização da ponte cais da empresa Porto Amboim Estaleiro Naval (PAENAL), visando a atracagem e descarga do pescado das embarcações semi-industriais locais.

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)

Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)