Início > História

Descoberto um cemitério com 7.000 anos sob as águas do Golfo do México

As autoridades da Flórida anunciaram a descoberta "sem precedentes" de um cemitério com sete mil anos, sob as águas do Golfo do México, o que vai permitir "entender melhor" os primeiros habitantes da região. O Secretário de Estado da Flórida, Ken Detzner, afirmou, em comunicado, que o achado arqueológico, designado Manasota Key Offshore (MKO), está situado na plataforma continental, no que parece que foi, quando o mar não o cobria, um lago de água doce.

BRASIL

Conheça a história do Porto de Natal

A história do Porto de Natal, do Terminal Salineiro de Areia Branca e da Companhia Docas do Rio Grande do Norte é um marco para a história do próprio Estado do Rio Grande do Norte.

O projeto inicial do Porto de Natal foi aprovado em 14 de dezembro de 1922, através de decreto. No entanto, só dez anos depois, em 1932, o decreto de número 21.995, assinado pelo presidente Getúlio Vargas, à frente do Governo Provisório da República dos Estados Unidos do Brasil, cria o Porto de Natal. No dia 21 de outubro desse mesmo ano o decreto é publicado no Diário Oficial da União, mas a solenidade oficial só ocorreu em 24 de outubro.

1804

Viagem inaugural da primeira locomotiva do mundo

No dia 13 de Fevereiro de 1804, foi realizada a viagem inaugural do "cavalo mecânico", a primeira locomotiva. A máquina a vapor sobre trilhos destinava-se ao transporte mais rápido e eficiente de matérias-primas.
O director técnico do Museu Ferroviário de Bochum-Dalhausen, Thomas Huhn, explica que os trilhos sempre foram usados na mineração, só que os vagões eram puxados por cavalos. O construtor galês Richard Trevithick foi o inventor do "cavalo mecânico", que podia fazer mais força, sem nunca se cansar. Um cavalo com a força baseada na já então famosa invenção de James Watt, a máquina a vapor.

BRASIL

Conheça a história do Porto do Rio Grande

A denominação "Rio Grande" vem do fato de, há mais de dois séculos atrás, os navegantes que se dirigiam à Colónia do Sacramento entenderem que a embocadura da Lagoa dos Patos fosse a foz de um grande rio.
O primeiro registo de transposição da Barra do Rio Grande é de 1737, quando o Brigadeiro José da Silva Paes chegou para iniciar o povoamento desta região que passou a ser conhecida como Rio Grande de São Pedro ou São Pedro do Rio Grande, e construiu a fortificação de madeira denominada de Forte Jesus Maria José.
 

À 13.ª TENTATIVA

Resolvido o mais antigo mistério naval da história da Austrália

O mais antigo mistério naval da história da Austrália foi resolvido com a descoberta de destroços do seu primeiro submarino, mais de um século depois do desaparecimento ao largo da costa da Papua Nova Guiné.

O HMAS AE1, o primeiro de dois submarinos de classe E construídos para a Marinha Real Australiana, desapareceu em 14 de novembro de 1914, com 35 tripulantes australianos, britânicos e neozelandeses a bordo.

1576: Morre Hans Staden, autor de relato de viagem sobre Brasil

Em 30 de julho de 1576, o alemão Hans Staden, autor de um importante relato de viagem sobre o Brasil pós-descobrimento, morria em seu país natal.

Em Wahrhaftige Historia, o alemão Hans Staden relata duas viagens que realizou ao Brasil entre os anos de 1548 e 1555. Quatrocentos e cinquenta anos depois de sua primeira edição, o livro permanece um dos mais curiosos documentos sobre a cultura dos índios brasileiros, especialmente os tupinambás, que aprisionaram o navegante e mercenário alemão e, segundo ele próprio, quase o devoraram em seus rituais canibalescos.

Cais do Valongo, no Rio de Janeiro, é classificado Património da Humanidade

  O Comitê do Património Mundial inscreveu o sítio arqueológico do Cais do Valongo, no Rio de Janeiro, no Brasil, na Lista do Património Mundial. Segundo o Comitê da Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco), o local é o “traço físico mais importante da chegada de escravos africanos no continente americano”.

Vítimas pobres do Titanic foram lançadas ao mar para dar lugar aos mais ricos

O barco que prestou socorro ao Titanic, após o naufrágio do navio, em 1912, não estava preparado para recolher uma tão grande quantidade de corpos e foi forçado a deitar borda fora alguns deles, preterindo os passageiros mais pobres para dar lugar aos mais ricos.

Estes dados são revelados por uma colecção de telegramas que só agora é divulgada, conforme atesta o jornal britânico The Daily Mail, notando que os responsáveis do navio de socorro tiveram que deitar borda fora os corpos de passageiros de terceira classe para dar lugar às vítimas das primeira e segunda classes.

RIO DE JANEIRO, BRASIL

Porto de entrada de escravos deve virar património mundial

A vista para um longo vale entre os morros da Conceição e do Livramento era o que aguardava os sobreviventes que desembarcavam no Cais do Valongo, no Rio de Janeiro, depois de uma viagem degradante entre a África e o Brasil, no século 18.

Dos quatro milhões de africanos escravizados do outro lado do Atlântico e que chegaram vivos para o trabalho forçado, um milhão passaram pelo Valongo – o que torna o porto a principal porta de entrada de mulheres e homens escravizados nas Américas.

Mistério da Primeira Guerra perto de ser desvendado

Engenheiros de cabos náuticos podem, por acaso, ajudar a solucionar um dos maiores mistérios da Primeira Guerra Mundial: o intrigante afundamento de um submarino alemão por um barco patrulha britânico, na costa da Escócia, em 1918. O submarino foi encontrado a 19 de Outubro pelos engenheiros náuticos que trabalham num projecto para fazer uma ligação de cabos de energia entre a Escócia e a Inglaterra.

BRASIL

Estudos meteorológicos no Estado começaram em função do Porto do Rio Grande

Os autores consideram no texto que “é evidente que o inicio da implantação de um serviço meteorológico, pela administração pública, ocorreu em função dos trabalhos para a melhoria do Porto da Cidade do Rio Grande. O porto era fundamental economicamente não só para a cidade do Rio Grande como para toda província”. Parte da consulta dos pesquisadores foi realizada no Acervo da Biblioteca da Superintendência do Porto do Rio Grande. A servidora responsável pelo acervo, Gladis Ferreira afirma que “a SUPRG possui um riquíssimo acervo sobre a história do Rio Grande do Sul visto que o Porto do Rio Grande sempre foi fundamental para o desenvolvimento do Estado”.

Primeiro sexo da história foi entre peixes... e de lado

De acordo com um estudo de uma equipa de investigadores, o peixe pré-histórico Microbrachius dicki, é o primeiro animal que se tem conhecimento de ter parado de se reproduzir com fertilização externa (em que os peixes inseminam os ovos fora dos organismos) e começado a copular. O peixe, que viveu há 385 milhões anos e media apenas 8 centímetros, vivia em lagos no território que pertence actualmente à Escócia.
As conclusões dos cientistas foram publicadas na revista Nature.

NAMÍBIA

Descoberta de navio português carregado de ouro volta à ribalta

"O Bom Jesus" afundou-se há 500 anos e foi descoberto na Namíbia por mineiros que procuravam diamantes. O tesouro encontrado foi avaliado em mais de 11 milhões de euros. A história foi recuperada por uma estação norte-americana.

Cidade perdida no fundo do mar foi, afinal, criada por gás pré-histórico

As supostas ruínas de uma cidade submersa, na costa da ilha grega de Zakynthos, são afinal, resultado de um fenómeno geológico que terá ocorrido há cinco milhões de anos, com a libertação de gás metano, no fundo do mar. Um grupo de mergulhadores acreditou ter encontrado vestígios de uma civilização perdida do período helénico, quando, em 2013, se deparou com estruturas daquilo que parecia ter sido uma cidade, nas costas da ilha grega Zakynthos, nas águas do Mediterrâneo.

BRASIL

ESPECIALISTAS CATALOGAM ACERVO HISTÓRICO DO PORTO DO RECIFE

Com foco no aniversário dos 98 anos do Porto do Recife, a ser comemorado em setembro, uma equipe de museólogos e restauradores deram início à primeira fase do levantamento do vasto acervo do antigo museu do ancoradouro recifense.

Encontrados dois navios antigos submersos no centro de Estocolmo

Arqueólogos do Museu Marítimo de Estocolmo, na Suécia, anunciaram ter encontrado os restos de dois navios antigos, submersos junto à ilha de Skeppsholmen, no centro de Estocolmo. Segundo informou o Museu no seu site oficial, as duas embarcações agora encontradas poderão ser ainda mais antigas do que o famoso navio de guerra Vasa, que se afundou e naufragou na sua viagem inaugural, em 1628.

Lendário navio de James Cook terá por fim sido encontrado

A incógnita do destino do Endeavour poderá estar a chegar ao fim. O lendário barco que teve como capitão o britânico James Cook na viagem pelo então desconhecido Pacífico, entre 1769 e 1771, terá afundado numa área perto da costa de Rhode Island, EUA. O Projeto de Arqueologia Marinha de Rhode Island (RIMAP, sigla em inglês) acredita que o Endeavour está entre os destroços de cinco navios encontrados em Newport.

Portugal pode reclamar o tesouro da nau Esmeralda

O anúncio da descoberta do local do naufrágio de um navio dos Descobrimentos, em Omã, foi notícia em todo o mundo – e logo contestada por vários arqueólogos. Portugal não foi oficialmente informado pelo Sultanato mas poderá, legalmente, reclamar este património.

Crateras submarinas podem estar ligadas a naufrágios não explicados

Um estudo da Universidade Ártica da Noruega descobriu crateras gigantescas no fundo do Mar de Barents, ao norte da Noruega e da Rússia - de quase um quilômetro de diâmetro e profundidade de 30 metros. "Existem múltiplas crateras gigantes no fundo da parte ocidental-central do mar de Barents e elas provavelmente são a causa de enormes explosões de gás. É provável que esta zona de crateras seja um dos maiores pontos de fuga de metano marinho no Ártico", informou a equipe de pesquisadores em um comunicado.

Navio português incluído na armada de Vasco da Gama descoberto em Omã

O Ministério do Património e da Cultura de Omã anunciou a descoberta de um navio português naufragado numa ilha remota de Omã em 1503, que fazia a carreira da Índia e estava incluído na armada de Vasco da Gama. O navio é, de acordo com aquela entidade, a mais antiga embarcação dos Descobrimentos Portugueses encontrado e cientificamente investigado por arqueólogos.

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012

Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012