Início > Notícias

Empresa norueguesa construirá o maior ferry híbrido do mundo

A Color Line, operadora norueguesa de ferries, assinou um contrato com a também norueguesa Ulstein Verft para a construção do maior navio híbrido do mundo, na sequência de uma carta de intenções subscrita por ambas as empresas em Janeiro, refere o World Maritime News.

Segundo o jornal, o navio terá 160 metros de comprimento e capacidade para 200 passageiros e 200 automóveis, quase o dobro da capacidade do M/S Bohus, um ferry construído em 1971 e operado pela Color Line, que será retirado de serviço quando o novo navio – o Color Hybrid – iniciar as suas operações, no Verão de 2019.

Portugal pode ajudar a China a conhecer países africanos lusófonos

O antigo governador de Macau Garcia Leandro considerou à Lusa que Portugal pode ter um papel importante na ajuda que os chineses ainda precisam para conhecer melhor o mundo, principalmente os países africanos.

"A China não conhece bem o mundo e portanto tem de descobrir cada zona para onde vai, e sobre os Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) há uma relação trilateral que é vantajosa para todos, porque há a possibilidade de haver uma intermediação e ajuda dos portugueses para colmatar essa dificuldade de conhecimento que a China tem sobre África", disse o general e presidente da Fundação Jorge Álvares.

Língua portuguesa entre as mais poderosas do mundo

O ‘Power Language Index’ destacou o Português como uma das dez línguas mais poderosas a nível mundial. Brilhamos na capacidade de participar numa economia e na aptidão para o diálogo.
Entre os mais de seis mil idiomas utilizados atualmente, apenas 15 têm o número suficiente de falantes para serem considerados os mais falados no mundo e somente dez acarretam o título de mais poderosas. Portugal está lista.
 

Cooperação com a Líbia prioritária no combate à imigração clandestina na Europa

Em 2016, 181.100 migrantes chegaram a Itália por mar, segundo dados da Agência Europeia de Guarda de Fronteiras e Costeira (FRONTEX), no que foi considerado um valor recorde.

Malásia construirá mega-porto de 45 mil milhões de dólares em Pulau Carey

O Estado da Malásia confirmou que se encontra a delinear um plano de crescimento portuário que contém, no seu vector primacial, a construção de um mega-porto em Pulau Carey, na Ilha Carey, que custará cerca de 45 mil milhões de dólares. Localizado numa das rotas mais utilizadas em termos mundiais (no Estreito de Malaca), este porto será 25 vezes maior que a Ilha Sentosa, destino turístico da Malásia com visitas de 5 milhões de turistas por ano.

Automação no sector marítimo: Rolls-Royce planeia testar navios sem tripulação em 2020

O plano é ambicioso, mas a intenção ficou bem delineada: a Rolls-Royce pretende que, em 2020, seja possível a navegação de embarcações de forma autónoma, sem recurso a tripulação. A prestigiada marca anunciou que, mediante a automação aplicada à navegação, poderá cortar os custos relativos ao transporte marítimo em cerca de 20%. O teste desta nova tecnologia será efectuado em países que terão permissão especial para operar estes navios mesmo antes da introdução da regulamentação.

Navios tanque em recuperação

O mercado dos navios tanque, a par do mercado petrolífero, enfrentam um processo de reequilíbrio, depois de um ano politicamente conturbado, considera a empresa de análise em transporte marítimo Maritime Strategies International (MSI), refere o World Maritime News.

Para a MSI, os últimos 12 meses caracterizaram-se por uma “dinâmica negativa” neste segmento da indústria do transporte marítimo, quer em termos de preços de activos, quer nas tarifas dos fretes. Por outro lado, o mercado excedentário de petróleo reflectiu-se no excesso de tonelagem disponível entre os navios tanque.

Estratégia «Uma Faixa, Uma Rota» encaminha África rumo à China

A tendência de isolacionismo na cooperação externa evidenciada pela nova administração dos Estados Unidos, em particular com África, leva alguns analistas a prever que a estratégia chinesa “Uma Faixa, Uma Rota” venha a assumir um impacto ainda maior naquele continente.

Depois de nos primeiros contactos com o Departamento de Estado a equipa do Presidente Donald Trump ter revelado cepticismo quanto à eficácia na competição com a China de programas de cooperação com o continente africano, em particular do African Growth Opportunity Act (AGOA), vários apelos públicos têm sido feitos a favor da manutenção do programa, que inclui todos os países africanos de língua portuguesa.

Relatório da UNCTAD revela abrandamento do comércio mundial

O relatório da UNCTAD de 2016 é bem revelador das alterações que comércio marítimo está a atravessar, mostrando a sua queda global em valor, pela primeira vez, em 2015, num momento de crescimento e expansão da economia mundial.

PORTUGAL

Saldo comercial com países lusófonos caiu 40% em 2016

De acordo com os dados do 'Comércio Internacional', divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), o total das trocas comerciais entre Portugal e os países lusófonos (Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné Equatorial, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste) caiu de 1.139 milhões de euros em 2015 para 686,1 milhões em 2016, o que represente um abrandamento do saldo comercial favorável a Portugal em 39,76%.

Espumante do mar: Miolo é a primeira vinícola brasileira a realizar imersão de garrafas em cave submarina

Espumantes submersos chegam a apresentar 10 vezes mais compostos moleculares do que os envelhecidos pelo método tradicional. Sabor mais rico e floral e notas apuradas de manteiga e castanha também foram observados
Para celebrar o sucesso de vendas do espumante Miolo Cuvée Tradition Brut em terras francesas, o Grupo Miolo aposta em sistema único de envelhecimento e estabilização do produto: a imersão de garrafas em caves submarinas.

Por mar e terra, 26 dias na Nova Rota da Seda

A rota comercial mar-terra entre a China e a Europa, através do porto grego de Pireu, entrou oficialmente em funcionamento após a chegada dos primeiros comboios com produtos chineses à Hungria.

Recorde de tonelagem no Canal do Panamá em Janeiro

Em Janeiro deste ano o Canal do Panamá registou um novo recorde mensal de tonelagem de 36,1 milhões de Panama Canal tons (PC/UMS), equivalentes a 21,8 milhões de toneladas, resultantes do trânsito de 1.260 navios pelas novas e antigas eclusas.

Este «drone» português pode salvar vidas em alto mar

Investigadores portugueses criaram um protótipo com robôs capazes de se articularem para vigiar o mar, localizar e prestar um primeiro auxílio a migrantes em apuros, com o qual concorrem a um concurso internacional no Dubai.

Sul-coreanos testam contentores dobráveis que diminuem drasticamente os custos

Na Coreia do Sul, o Ministério da Terra, Infra-estruturas e Transportes adiantou que o País desenvolveu com sucesso um novo tipo de contentor que pode revolucionar a indústria. O contentor em questão é dobrável e promete diminuir drasticamente os custos de transporte!

Procurando enfrentar problemas como o reposicionamento dos contentores e as viagens em vazio, a Coreia do Sul pode estar assim prestes a introduzir um elemento na cadeia que, a ter sucesso, promete fazer frente às estimativas que apontam para que, no total da movimentação contentorizada mundial, cerca de 25% dos contentores viajam vazios - problemática que, estima-se, acarreta custos adicionais de 6,7 mil milhões de euros/ano.

MOL e MSC juntam-se em novo serviço na Rota do Panamá e Amazónia

A Japonesa MOL, Mitsui O.S.K. Lines, e a Ítalo-Suíça MSC, Mediterranean Shipping Company, formaram uma nova parceria tendo em vista operarem em conjunto a Rota que serve o Panamá e a Amazónia.

Marrocos tem 563 milhões de euros para investir nos Portos nos próximos cinco anos

A Agência Nacional dos Portos de Marrocos tem 563 milhões de euros preparados para investir nos seus Portos durante os próximos cinco anos - mais interessante ainda é perceber que o país se prepara para investir já, com mais de metade desse valor a ser aplicado em 2017.

EMSA publica relatório 2016 sobre acidentes marítimos

A EMSA, Agência Europeia de Segurança marítima, já publicou seu relatório de 2016 sobre acidentes marítimos, englobando dados entre 2011 e 2015. No relatório sobre a acidentes marítimos agora publicado pela EMSA, reportando-se a dados entre 2011 e 2015, alguns números destacam-se desde logo, como seja não apenas o crescente número de acidentes verificados ao longo dos anos para quase todos os tipos de navios, bem como o facto de as principais causas apontadas para os mesmos se deverem essencialmente a erro humano.

China quer organizar cimeira com líderes dos países da Nova Rota da Seda

A China quer organizar uma cimeira com os líderes dos países que integram a iniciativa chinesa Nova Rota da Seda, em 2017, anunciou o ministro dos Negócios Estrangeiros chinês, Wang Yi.

«SERÁ O CANAL DO PANAMÁ DO SÉC. XXI», REFERE MORALES:

Paraguai e Bolívia dão novo passo na ligação Atlântico-Pacífico

Os presidentes do Paraguai, Horacio Cartes, e da Bolívia, Evo Morales, assinaram um memorando de entendimento para realizar estudos que possibilitem a ligação ferroviária entre os dois países, através da cidade boliviana de Roboré e da paraguaia de Carmelo Peralta. A ligação insere o Paraguai na rota ferroviária rumo ao Oceano Pacífico através do Peru, e a Bolívia na rota do Atlântico pela hidrovia Paraguai-Paraná.

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)

Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)