Início > Angola

ANGOLA

Vice-ministro destaca importância do CFB e do Porto do Lobito

O Caminho-de-Ferro de Benguela (FCB) e o Porto Comercial do Lobito constituem a alavanca para o desenvolvimento económico e a base para a resolução de vários problemas dos jovens, afirmou no Lobito o vice-ministro da Juventude, Yaba Alberto.
Em declarações à imprensa, no termo da visita que dirigentes das organizações juvenis efectuaram ao Porto Comercial do Lobito, o vice-ministro louvou a aposta feita pelo Executivo na reabilitação e modernização destas unidades económicas estatais.

CAMINHO DE FERRO DE MOÇÂMEDES

Investimentos vão gerar mais de três mil empregos

O ministro dos transportes, Augusto da Silva Tomás, disse esta sexta-feira, em Menongue, província do Kuando Kubango, que os investimentos que estão a ser feitos pelo executivo no Caminho-de-ferro de Moçâmedes (CFM) vão gerar mais de três mil postos de trabalho.
Falando no final da viagem experimental do comboio do CFM entre a Huíla e o Kuando Kubango, o ministro realçou que até 2012 será recrutado este número de quadros que serão submetidos a formação técnica e profissional.

ANGOLA

Comboio liga o mar ao Kuando-Kubango

Depois do Caminho-de-Ferro de Luanda (CFL) e do Caminho-de-Ferro de Benguela (CFB), outra importante alavanca para o desenvolvimento socioeconómico do país na região sul, notadamente o Caminho-de-Ferro de Moçamedes, regista agora acções de construção civil nas 56 estações projectadas ao longo da linha.
A empreitada a cargo de uma construtora chinesa e estruturada de acordo com os padrões internacionais, fica concluída até ao final do mês. Mas o histórico das acções de engenharia assinala que foi no município da Matala que começaram as obras em direcção a Menongue.
Também da Matala, a equipa de chineses e angolanos iniciou a remodelação de todo o sistema ferroviário, passando pelo Lubango e atingindo as terras da Welwitchia.

ANGOLA

Sonangol Logística inaugura Terminal Oceânico em Porto Amboim

As instalações do Terminal Oceânico do Porto Amboim (TOPA), com capacidade para armazenar 35.400 metros cúbicos de combustível, foram inauguradas esta sexta-feira, dia 2 de Dezembro, pelo presidente do Conselho de Administração da Sonangol, Manuel Vicente.
As obras de construção do espaço tiveram início em Novembro de 2007 e terminaram em princípios de Novembro deste ano, tendo estado a cargo de uma construtora argentina.

ANGOLA

Técnicos e operadores dos portos do país em formação

O programa Train for Trade Angola, implementado pela Conferência das Nações Unidas sobre o comércio e desenvolvimento, organiza em parceria com o porto de Luanda, o último ciclo do curso de formação de gestão moderna de portos.

Angola inaugura maior plataforma de petróleo do mundo

A maior unidade de processamento e armazenamento de petróleo, a que foi atribuído o nome de “Pazflor”, com uma capacidade de produção de 220 mil barris de petróleo ao dia, foi inaugurada esta terça-feira pelo Ministro Botelho de Vasconcelos.
É a maior plataforma flutuante do mundo e opera no bloco 17, norte de Angola. Foi adquirida na Coreia do Sul, num investimento global de nove mil milhões de dólares.

ANGOLA

FPSO Pazflor inova com separação submarina de petróleo e gás

A unidade de processamento e armazenamento de petróleo e gás natural (FPSO) “Pazflor”, inaugurada terça-feira pelo ministro dos Petróleos, Botelho de Vasconcelos, no Bloco 17 do offshore angolano, inovou a indústria internacional do crude ao ser a primeira a realizar a separação submarina de petróleo e gás com sucesso.
Trata-se de um processo que resulta da existência de duas qualidades diferentes de petróleo bruto tratado simultaneamente, sendo um leve, situado numa camada sedimentar profunda, e outro pesado, cuja localização está numa camada sedimentar menos profunda.

ATÉ 27 DE NOVEMBRO | ANGOLA

Luanda acolhe feira de transportes e logística

A Feira Internacional de Luanda (FIL) e o Ministério dos Transportes realizam de 24 a 27 deste mês a I edição da "Expotrans Angola-2011".
O evento enquadra-se no âmbito da segunda sessão da Conferência de Ministros Africanos dos Transportes.
Com participações também de Portugal, Espanha, Namíbia e Brasil, a feira visa proporcionar uma visão para o relançamento do transporte marítimo internacional de bandeira angolana, de cabotagem ou fluvial, reabilitação dos caminhos-de-ferro, reabilitação e construção de portos, entre outros.

ANGOLA

Aberta reunião de peritos dos Transportes de África

A 2.ª Sessão de Peritos da Conferência de Ministros Africanos dos Transportes teve início esta segunda-feira, em Luanda, numa cerimónia presidida pelo director do Gabinete Jurídico do Ministério dos Transportes, Mário Domingos.
No evento, que decorre sob o lema "Sector dos transportes para a Dinamização da Integração Económica de África", numa realização da Comissão da União Africana, serão adoptadas estratégias de estabelecimento de uma política continental no domínio das infra-estruturas e serviços, bem como definidas acções a executar pelos países, a fim de implementar os programas e os projectos de desenvolvimento no continente.

HOJE, 23 DE NOVEMBRO, EM LISBOA

Novo Regime de Investimento no Mercado Angolano

Conhecer as Principais Novidades e Implicações do Novo Regime de Investimento Privado em Angola; Dominar o Novo Regime de Repatriamento de Lucros e Capitais; Entender a melhor forma de Estruturação dos Projectos de Investimento a apresentar junto da ANIP, são alguns dos objectivos anunciados pela "Global Estratégias" para esta conferência a decorrer em Lisboa.
 

DE HOJE, DIA 21, ATÉ 28 DE NOVEMBRO

Missão empresarial portuguesa procura parceiros em Luanda e Cabinda

A AIP-CE e a AERLIS organizam, entre os dias 21 e 28 de Novembro, uma missão empresarial a Luanda e a Cabinda. O objectivo da missão, organizada pela AIP-CE e pela AERLIS para o final do mês de Novembro, visa proporcionar às empresas participantes a identificação de potenciais parceiros para o desenvolvimento de projectos de exportação e/ou investimento, o contacto com os governos provinciais, a recolha de informação local e visitas de prospecção em Luanda e Cabinda.

COMEÇA HOJE, DIA 21, EM ANGOLA

Luanda recebe conferência de Ministros Africanos para o Transporte

Luanda acolhe, de 21 a 25 deste mês, a 2.ª sessão da Conferência de Ministros Africanos para o Transporte. A conferência deverá fazer o balanço dos programas regionais e continentais dos transportes, incluindo as iniciativas específicas, e tratar dos maiores desafios do sector.
Os ministros deverão adoptar as acções necessárias apara acelerar o desenvolvimento actual das infra-estruturas dos transportes e serviços eficazes, acessíveis e sustentáveis, capazes de promover uma integração regional e que possam assegurar a competitividade do continente no contexto global.

LISENDER BORGES

Investimentos tornaram o Porto do Lobito mais atractivo

Os investimentos feitos nos últimos anos pelo executivo angolano tornaram o Porto Comercial do Lobito mais capaz de influenciar o desenvolvimento de vários sectores da economia do país, defende o administrador para as infra-estruturas da instituição, Lisender Borges.
De acordo com o responsável, o Porto do Lobito possui infra-estruturas e recursos humanos capazes de corresponderem às exigências de transacções seguras de mercadorias na região.

ANGOLA

Instituto de Pescas actualiza comerciantes sobre legislação

A directora geral do Instituto Nacional de Apoio às Indústrias de Pescas (Inaip), Maria Filomena da Mata, considerou segunda-feira, em Luanda, importante a necessidade dos comerciantes de produtos da pesca conhecerem, com propriedade, as políticas e legislação sanitária a nível nacional, regional e internacional, sobre géneros alimentícios.
A responsável falava à Angop, à margem da abertura de um curso sobre "Garantia da qualidade dos produtos da pesca", dirigido a comerciantes de produtos da pesca.

ANGOLA

País necessita de 130 mil toneladas de sal

Angola carece de 130 mil toneladas de sal por ano, para satisfazer as necessidades humanas de consumo, afirmou domingo, em Luanda, o ministro da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas, Afonso Pedro Canga.
Ao falar no programa “Espaço Público” da TPA, o governante referiu que hoje o país produz somente 50 mil toneladas de sal/ano, tendo salientado não fazer sentido a actual produção, em função de Angola possuir uma costa marítima com 1.600 kms de extensão.

ANGOLA

Aprovado projecto de praias seguras

Uma iniciativa preventiva, designada Praias Seguras de Angola (PSA) destinada a proteger a integridade física dos banhistas, foi lançada na Ilha de Luanda, numa cerimónia presidida pelo ministro do Interior, Sebastião Martins.
O projecto Praias Seguras de Angola é uma plataforma nacional coordenada e aprovada pelo Ministério do Interior e a execução está a cargo do Serviço Nacional de Protecção Civil e Bombeiros. É um programa de socorro que pretende minimizar as situações de risco para os banhistas nas praias marítimas e fluviais.

LIBÉRATION

Angola, o novo eldorado dos jovens portugueses

O fenómeno está em grande crescimento. Em 2006, há registo de apenas 156 vistos de portugueses que partiram para a ex-colónia. No ano passado, o número subiu para 23.787. ACtualmente, vivem em Angola 100 mil portugueses, ou seja, quatro vezes mais do que os angolanos que vivem em Portugal onde, por causa da crise, chegam a conta-gotas. “Isto faz-me pensar na época das descobertas, quando os nossos antepassados partiram para África para fugirem, também eles, à crise económica”, sublinha Mário Bandeira, do Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa.

 

ANGOLA: BARRA DO DANDE VAI ACOLHER AS NOVAS INFRA-ESTRUTURAS

Um porto à escala mundial

Quase 80 anos depois, o Porto de Luanda vai mudar de instalações. As obras só estarão concluídas entre os cinco e os 10 anos. Além da atracagem de navios, o porto vai servir a Marinha e terá um estaleiro.
O P.C.A do Porto de Luanda, Francisco Venâncio, revela que o projecto está actualmente a ser coordenado pelo Ministério dos Transportes e que será construído em três fases, a médio prazo, que se pode estender entre os cinco e os 10 anos até estar finalizado.
 

TERESA BOINO, ADVOGADA LUSO-ANGOLANA E SÓCIA DA BPO

Nova lei angolana deixa porta aberta a pequenos investidores estrangeiros

PME de capital angolano igual ou superior a 75% são beneficiadas, mas novo quadro legal deixa margem de manobra e dá incentivos também a pequenos investidores externos.

Angola beneficia da tecnologia de pescas para aumentar os seus níveis de captura

Os governos de Angola e da Coreia do Sul deverão reforçar os laços de cooperação no domínio das pescas, através da transferência tecnológica com vista ao aumento dos níveis de captura do peixe no país. Esta preocupação foi manifestada em Luanda, pelo ministro da Agricultura, Desenvolvimento Rural e Pescas, Afonso Pedro Canga, que falava durante o simpósio internacional sobre a cooperação no sector das pescas entre a República da Coreia e África. O responsável sublinhou que este processo passa pela formalização e implementação prática de protocolos de formação entre quadros dos dois países.

 Vídeo

PLAYLIST DE VÍDEOS LOBITO 2013

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)

Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)