Início > Ambiente

Arquipélagos da Macaronésia juntos em projectos de valorização das algas marinhas

Cabo Verde, Açores, Madeira e Canárias integram um projecto que pretende valorizar o uso das algas marinhas em áreas tão distintas como a agricultura ou o combate ao envelhecimento.

À margem de um encontro que reuniu vários especialistas em Ponta Delgada, na Universidade dos Açores, a investigadora e coordenadora da equipa açoriana, Maria do Carmo Barreto, disse aos jornalistas que o projecto Macbioblue, que envolve ainda entidades da Mauritânia e do Senegal, surgiu na sequência de outros, relacionados "com o aproveitamento de algas para fins medicamentosos e outro tipo de finalidades".

22 DE MARÇO

Dia Mundial da Água

Newsletter temática evocativa do Dia Mundial da Água, que se comemora esta quinta-feira. A data visa alertar as populações e os governos para a urgente necessidade de preservação e poupança deste recurso natural tão valioso.

A gestão dos recursos de água tem impacto em vários sectores, nomeadamente na saúde, produção de alimentos, energia, abastecimento doméstico e sanitário, indústria e sustentabilidade ambiental.

As alterações climáticas provocam graves impactos nos recursos de água. Alterações atmosféricas como tempestades, períodos de seca, chuva e frio afectam a quantidade de água disponível e colocam em risco os ecossistemas que asseguram a qualidade da água.

A comemoração surgiu no âmbito da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento e Ambiente que decorreu na cidade brasileira do Rio de Janeiro, em 1992. Os países foram convidados a celebrar o Dia Mundial da Água e a implementar medidas com vista à poupança deste recurso, promovendo a sua sustentabilidade.

Uso desenfreado de plástico ameça oceanos

Desde 1950, 8,3 biliões de toneladas de plástico foram produzidas no mundo. Cada pessoa utiliza, em média, 60 quilos do material por ano. Parte vai parar ao mar e entra na cadeia alimentar.

Microplástico: poluição invisível que ameaça oceanos

De pneus a roupas e cosméticos, o microplástico encontra-se praticamente em todos os objetos do dia a dia. E o seu impacto sobre as águas do planeta é catastrófico: calcula-se que, dos 9,5 milhões de toneladas de matéria plástica que flutuam nos mares, até 30% sejam compostos por partículas minúsculas. Invisíveis a olho nu, constituem uma fonte de poluição mais grave do que se pensava, como mostra o mais recente relatório da International Union for Conservation of Nature (IUCN).

As cinco maiores ameaças humanas aos oceanos - e seus antídotos

Comida, transporte, matérias-primas, lixo: há séculos a humanidade trata os mares como se fossem inesgotáveis e invulneráveis. A consciência sobre a necessidade de protegê-los aumenta, mas ainda há muito para fazer.

COM VÍDEO

Ele mergulhou e encontrou um mar de plástico

"As correntes oceânicas trouxeram-nos um lindo presente." Começa assim a mensagem de Facebook em que Rich Horner dá conta de um dos seus últimos mergulhos na Indonésia. Para além de medusas, plâncton, folhas e ramos, o mergulhador encontrou "algum plástico", uma ironia que se traduz num mar de plástico: "Garrafas de plástico, copos de plástico, folhas de plástico, baldes de plástico, saquetas de plástico, palhas de plástico, cestos de plástico, sacos de plástico, mais sacos de plástico, plástico, plástico, muito plástico!"

Invenção transforma água do mar em água potável através da energia solar

Uma parceria entre o MIT e a empresa indiana Jain Irrigation Systems criou um método para transformar água salgada em potável. O sistema usa a electrodiálise e tem uma explicação simples: o sal é dissolvido na água e transforma-se em partículas com cargas eléctricas positivas e negativas. Para remover essas partículas, o sistema usa membranas eléctricas que atraem as cargas como se fossem imãs.

Redução do enxofre nos combustíveis marinhos tem um efeito perverso

Os combustíveis marinhos mais limpos que as novas regras internacionais imporão a partir de 2020 e que a indústria do transporte marítimo se prepara para adoptar representarão benefícios para a saúde pública, mas não serão necessariamente vantajosos para o ambiente, concluiu um estudo recente da Universidade de Delaware, os Estados Unidos.

Há sinais dos navios nas nuvens

Numa imagem da NASA que capta parte das costas de Portugal e Espanha, foram identificadas esteiras dos navios nas nuvens, formados pela poluição dos seus escapes, que deixam pegadas visíveis, segundo informa a agência norte-americana, citada pelo Green4Sea. A imagem captada pelo NASA’s Aqua Satellite explica-se através do vapor da água, que se condensa à volta de pequenas partículas de poluição que os navios emitem. Estas desenvolvem-se geralmente em áreas de baixas altitudes, com nuvens de contornos nítidos.

Estudo analisa efeitos da mineração em fundos marinhos

Naquele que é, provavelmente, o primeiro estudo com uma perspectiva global de todos os planos de mineração em fundos marinhos, quer em águas internacionais, quer em águas sob jurisdição dos Estados, conclui-se que esse tipo de mineração pode causar danos irreversíveis aos ecossistemas, não só da zona explorada, mas em áreas muito maiores.

COM VÍDEO

Tecnologia para limpar o plástico dos oceanos

A tecnologia da Seabin pode ajudar a reduzir o problema da poluição marítima, mas, como reconhece Ceglinski, a única solução definitiva é "ensinar crianças e jovens a não comprar plásticos descartáveis, a não os atirar ao mar, a reciclar."

Cabo Verde reforça legislação sobre proteção de tartarugas marinhas

O consumo de carne, ovos, ou quaisquer restos ou parcelas das tartarugas marinhas de diferentes espécies passa a ser crime, anunciou, na cidade da Praia, o ministro da Presidência do Conselho de Ministros, Fernando Elísio Freire.

Há um milhão de microplásticos por km2 de mar

As etapas da Volvo Ocean Race têm sido mais do que uma competição – tem sido realizada investigação científica fornecendo dados sobre os microplásticos nos oceanos e as conclusões são, até agora, ameaçadoras. Foram encontradas um milhão de partículas microplásticas por quilómetro quadrado no Atlântico Sul, ao largo de Cape Town; na 2ª etapa, um milhão e meio, a leste da África do Sul; já nas águas australianas, perto de Melbourne, na 3ª etapa, foram encontradas um milhão de partículas.

Empresa belga lança primeira embarcação de hidrogénio classificada pela LR

A empresa marítima Compagnie Maritme Belge (CMB), com sede em Antuérpia, lançou o primeiro navio de passageiros movido a hidrogénio, classificado pela empresa Lloyd's Register (LR). A embarcação foi batizada de Hydroville.

Som dos navios altera comunicação nos bacalhaus e nas arincas

Cientistas da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (National Oceanic and Atmospheric Adninistration, ou NOAA), dos Estados Unidos concluíram que o ruído dos navios está a reduzir a distância necessária à comunicação nas populações de bacalhaus e arincas em locais de desova situados no Golfo do Maine, refere o Maritime Executive.

BRASIL

Enfeites de Natal que podem ser de naufrágio em São Paulo encontrados em praia do litoral gaúcho

Às vésperas do início de dezembro, profissionais do Ceclimar, o centro de estudos costeiro e marinho vinculado à Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), realizaram coletas incomuns nas últimas semanas: enfeites de Natal foram encontrados em areias de praias do litoral gaúcho. De acordo com o instituto, os objetos podem ter sido espalhados no mar em um acidente registado perto do porto de Santos (SP), em agosto, e viajaram cerca de mil quilómetros até ao RS.

Ilhas de lixo e plástico podem vir a ser consideradas país

Seis vezes maior que Portugal, já tem bandeira, moeda, selos e passaportes. Será que as ilhas do lixo e do plástico vão ser um estado soberano e entrar para a ONU?

CMA CGM vai equipar nove grandes navios com GNL

A CMA CGM anunciou a intenção de equipar os motores de nove dos seus futuros navios de 22 mil TEU com sistema de gás natural liquefeito (GNL), segundo o The Maritime Executive.

“Tomámos a decisão ousada de equipar os nossos futuros navios de 22 mil TEU com uma tecnologia firmemente focada na protecção do meio ambiente. Ao escolher o GNL, a CMA CGM confirma sua ambição de ser uma forte líder no sector em protecção ambiental, sendo pioneira em tecnologias inovadoras e eco-responsáveis”, disse Rodolphe Saadé, Consultor Executivo do Grupo CMA CGM.

Método inédito pode salvar Grande Barreira de Coral

Pesquisadores da Universidade Southern Cross, na Austrália, conseguiram restabelecer a fauna de um trecho danificado da Grande Barreira de Coral (Great Barrier Reef) utilizando um método inédito, que poderá ajudar a recuperar outros ecossistemas abalados.

Chile com a maior área marinha protegida do mundo

O Governo chileno constituiu uma nova área marinha protegida no seu território, contribuindo para a preservação de uma larga área de ecossistemas e locais de interesse turístico e arqueológico.

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012

Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012