Início > Moçambique

MOÇAMBIQUE

Porto de Maputo regista novo record de processamento de carga em 2019

Os volumes manuseados pelo Porto de Maputo atingiram 21 milhões de toneladas em 2019, batendo assim o record de 2018, de 19,5 milhões de toneladas. Este crescimento de 8% esteve principalmente baseado no manuseamento de crómio e um crescimento substancial no manuseamento de contentores e magnetite.

Plataforma flutuante que vai processar gás natural extraído em Moçambique foi lançada ao mar

A plataforma flutuante que vai recolher e processar o gás natural a ser extraído no bloco Área 4 da bacia do Rovuma, norte de Moçambique, foi lançada ao mar, em cerimónia testemunhada por representantes do Estado moçambicano e das empresas envolvidas no projecto,

A plataforma, cujo lançamento ao mar teve lugar no estaleiro naval da Samsung Heavy Industries, na cidade industrial de Busan, na Coreia do Sul, onde se encontra a ser construída desde Setembro de 2018, deverá chegar a Moçambique no final de 2021 para no ano seguinte iniciar a produção de gás natural liquefeito.

MOÇAMBIQUE

Porto de Nacala volta à Gestão do CFM

O Porto de Nacala, que estava concessionado à CDN, voltou à gestão do CFM a partir de 10 de Janeiro do corrente ano, na sequência do fim do contrato. A decisão de não renovação foi anunciada pelo governo de Moçambique em Dezembro de 2019.
Recorde-se que o Contrato de Concessão do Porto de Nacala, com duração de 15 anos, foi assinado em 2000, com as operações a terem início a 10 de Janeiro de 2005.

MOÇAMBIQUE

Porto de Nacala aumenta carga processada em 2019

A Corredor de Desenvolvimento do Norte (CDN), a empresa concessionária do porto de Nacala, na província de Nampula, norte de Moçambique, movimentou mais de 2,2 milhões de toneladas de carga geral em 2019, cifra que corresponde a um aumento anual de 16%, informa a empresa.

Moçambique capta 25% do investimento da Índia em África

O volume do investimento total da Índia em Moçambique chega aos oito biliões de dólares norte-americanos, representando 25% do total do capital indiano aplicado no continente africano.

Estes dados foram tornados públicos em Maputo, pelo Alto-Comissário da Índia em Moçambique, durante uma conferência de negócios de empresas do sector de Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC’s).

Rangel Logistics Solutions ligou EUA a Moçambique em novo transporte de «carga de projecto»

A companhia portuguesa Rangel Logistics Solutions levou a cabo mais um transporte projecto de carga (serviço de transporte totalmente customizado e moldado às necessidades do seu cliente), ligando, neste contexto, os Estados Unidos da América (EUA) a Moçambique.

Com origem em Nova Jérsia, EUA, e destino na Beira (Moçambique), a Rangel Logistics Solutions efectuou o transporte de maquinaria e vários equipamentos «destinados à Indústria de Oil & Gas, apoiando a implantação da indústria no país», explica a empresa lusa.

MOÇAMBIQUE

Porto de Maputo | Responsabilidade Empresarial

A MPDC acredita que deve ter um papel de relevo no apoio a projectos que visam melhorar e/ou facilitar ao acesso à educação, cultura e desporto. Indicamos alguns dos projectos/iniciativas que a empresa apoia de forma regular.

MOÇAMBIQUE

Dragas para manutenção do canal de acesso ao Porto de Maputo em operação

A Francesco de Giorgio e a Henri Pitot, as duas dragas pertencentes à empresa Jan de Nul Dredging Ltd. que fazem a dragagem de manutenção ao longo dos canais de acesso, encontram-se a operar.

A dragagem incide sobre os canais da Matola, Katembe, Polana, Xefina e Canal do Norte e serão removidos cerca de 1.5 milhões de metros cúbicos. Serão também mantidas as cotas dos cais dos terminais de Maputo e Matola.

MOÇAMBIQUE

CFM Anuncia Vencedores do Concurso «Faça crescer e cresça também»

A Empresa Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique (CFM) anunciou, no Centro Regional de Formação do CFM-Sul (CRF), os resultados do Concurso “Faça crescer e cresça também”, destinado a todos os Trabalhadores da Empresa.

A cerimónia do anúncio dos resultados foi presidida pelo Presidente do Conselho de Administração, Miguel José Matabel e contou com a presença dos Membros do Conselho de Administração, para além dos Colaboradores da Empresa a nível do CFM-Sul.

Moçambique passa a ter serviços de cabotagem a partir do primeiro trimestre de 2020

Os serviços de cabotagem em Moçambique vão ter início no primeiro trimestre de 2020, indo o serviço ser prestado por uma empresa constituída ao abrigo de uma parceria público-privada, anunciou em Maputo o Ministro dos Transportes e Comunicações, Carlos Mesquita.

Um memorando de entendimento nesse sentido foi assinado em Março de 2018 entre a estatal Empresa Moçambicana de Transporte Marítimo e Fluvial (Transmarítima) e a Peschaud Moçambique, subsidiária do grupo francês de logística terrestre, fluvial, lacustre e marítima Peschaud et Cie International.

NORTE DE MOÇAMBIQUE

Porto de Pemba recebe Código SPS da Organização Marítima Internacional

O Porto de Pemba dispõe já de capacidade de resposta contra situações relacionadas com roubo e pirataria, acesso de pessoal não autorizado/clandestino, embarque de droga e ataques físicos às suas instalações, disse o delegado do maior e principal porto da província de Cabo Delgado, norte de Moçambique.

Arnaldo Manjate, no decurso de uma reunião entre o governador da província de Cabo Delgado, Júlio Parruque e os gestores e agências utilizadoras das instalações portuárias, disse que tal facto resulta da atribuição do Código SPS, que tem por objectivo estruturar a avaliação de ameaças e definir acções de protecção apropriadas às embarcações e terminais portuários.

Carga transportada através da ferrovia do Norte de Moçambique cresceu 11,5%

A linha férrea que faz a conexão entre as minas de carvão de Tete, interior de Moçambique, e o Porto de Nacala, passando pelo Maláui, transportou entre Janeiro e Setembro mais 11,5% de carga que no mesmo período de 2018, adianta a Lusa.

MOÇAMBIQUE

Governo defende acção coordenada para travar actividades ilícitas no mar

A pesca ilegal, entre outras actividades ilícitas nas águas territoriais moçambicanas, foram os assuntos que juntaram, em Maputo, o Governo e operadores do sector em busca de soluções contra estas práticas.

O Ministro do Mar, Águas Interiores e Pescas, Agostinho Mondlane, defende acção coordenada entre o Governo e organizações da sociedade civil que actuam no sector, com vista a travar actividades ilícitas no mar.

Índia foi o principal destino das exportações de Moçambique em 2018

A Índia foi em 2018 o principal destino das exportações de Moçambique com uma quota de 27,32% ou um valor de 1369 milhões de dólares, informou o Instituto Nacional de Estatística através do seu Anuário Estatístico relativo ao ano passado.

Os restantes quatro grandes mercados de colocação dos produtos moçambicanos de entre os cinco primeiros foram por ordem de importância os Países Baixos, com uma quota de 17,38% e um valor de 871 milhões de dólares, a África do Sul com 12,24% e 613 milhões de dólares, a China com 4,78% e 239 milhões de dólares e Hong Kong com 4,59% e 229 milhões de dólares.

MOÇAMBIQUE

Segurança ferroviária melhora no Corredor de Nacala

As acções realizadas pela empresa Corredor de Desenvolvimento do Norte (CDN) estão a contribuir significativamente para a melhoria da segurança ferroviária e a redução de acidentes ferroviários no Corredor de Nacala.
Destacam-se, entre estas acções, campanhas ferroviárias ao longo do corredor, bem como nas escolas de condução, como forma de munir os candidatos a automobilistas de conhecimentos sobre as regras de trânsito na travessia em passagens de nível.

Projecto ferro-portuário da Italthai Engineering avança em Moçambique

A linha férrea que vai ligar Macuse às minas de Moatize e Chitima, com uma extensão de 620 quilómetros, está orçada em dois mil milhões de dólares e foi concebida para permitir o escoamento de carvão a partir da província de Tete, no interior de Moçambique.

O porto de águas profundas de Macuse terá capacidade para receber navios de grande calado que vão transportar principalmente carvão mineral e servir países vizinhos de Moçambique sem acesso directo ao mar.

Moçambique projecta quatro portos secos para a província de Manica

A província de Manica, no centro de Moçambique, poderá vir a dispor num futuro próximo de quatro portos secos para ajudar a descongestionar o Porto da Beira, na vizinha província de Sofala, disse recentemente em Chimoio o presidente do Conselho Empresarial Provincial de Manica, Samuel Guisado.

MOÇAMBIQUE

Inhambane conta com um Centro de Processamento de ração para peixe

O Governador da Província de Inhambane, Daniel Chapo, inaugurou um centro de processamento de ração para alimentar peixe em cativeiro. A inauguração teve lugar no povoado de Poelela, distrito de Inharrime, com uma capacidade de produzir 20 toneladas de ração por semana.

MOÇAMBIQUE

Cornelder investe 20 milhões de meticais na construção do mercado de Marínguè

O distrito de Marínguè, na província de Sofala, conta agora com um novo mercado de referência, construído de raíz pela concessionária dos Terminais de Contentores e de Carga Geral no Porto da Beira, Cornelder de Moçambique.
Para a construção desta importante infraestrutura, a Cornelder de Moçambique investiu um total de 20 milhões de meticais, segundo indicou o director executivo adjunto da empresa, António Libombo que, durante a cerimónia de inauguração, agradeceu ao Governo provincial e à Administração do distrito de Marínguè pela colaboração prestada no decorrer das obras.

 

MOÇAMBIQUE

Arrancam obras ligadas a novo corredor logístico no centro do país

As obras ligadas a um novo corredor logístico a região centro do país, avaliado em 3,2 mil milhões de dólares (2,9 milhões de euros), já arrancaram, com a ambição de promover a produção moçambicana e de criar um porto preferencial para o Malawi e Zâmbia.

"Há estudos preliminares e há boas conversas com os governos destes dois países", disse em entrevista à Lusa Orlando Marques, director executivo (CEO) da Thai Moçambique Logística (TML), empresa concessionária do corredor que terá um porto de águas profundas em Macuze, Zambézia, ligado a uma linha de férrea de 620 quilómetros até Chitima, Tete, interior do país.

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Sandra Augusto

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012

Congresso Intercalar da APLOP - Rio de Janeiro - Março de 2012