Início > Angola

Terminais portuários de Angola entregues a multinacionais

Três dos dez maiores operadores de terminais de contentores do mundo figuram entre os principais candidatos à gestão privada do Terminal Multiuso do Porto de Luanda, soube o Expresso junto de uma fonte portuária.

Em resposta à política de abertura promovida pelo Presidente angolano, João Lourenço, visando atrair para Angola algumas das maiores multinacionais no domínio do transporte marítimo, novos operadores de magnitude mundial apostam no mercado local, 13 anos depois da Maerks. A corrida pelo controlo daquele terminal, que movimenta mais de 50% da totalidade da mercadoria do Porto de Luanda, poderá vir a proporcionar, durante a vigência do contrato, um volume de negócios na ordem de 1220 milhões de dólares.

ANGOLA

Unicargas recebe certificação de gestão de instalações portuárias

A empresa Unicargas recebeu este mês uma declaração de seis anos que lhe atesta estar dentro dos padrões recomendados internacionalmente para segurança de instalações portuárias.

PORTO DO DANDE

Atlantic Ventures perde processo contra Estado angolano

O Tribunal Arbitral de Paris negou, sexta-feira, provimento à acção intentada contra o Estado angolano pela Atlantic Ventures, que contestava a revogação de um Decreto Presidencial a autorizar a concessão do Porto do Dande àquela empresa ligada à empresária Isabel dos Santos.

O referido tribunal condenou, ainda, a empresa Atlantic Ventures a pagar ao Estado angolano 132 milhões 890 mil e 290 kwanzas pelos custos da arbitragem, refere um comunicado de imprensa do Ministério dos Transportes (Mintrans), chegado à Angop.

PORTO DE CABINDA, ANGOLA

Calemas provocam prejuízos de 100 milhões de kuanzas

As calemas (ondas gigantes) provocaram prejuízos avaliados em cem milhões de kwanzas ao Porto de Cabinda, no período de 27 de Junho a 7 de Julho.
As ondas de aproximadamente dois metros de altura impediram a atracagem de navios no cais local e o manuseamento de carga na ponte.

LOBITO, ANGOLA

Autoridades multam navio ucraniano em 500 milhões de kuanzas

Cerca de 500 milhões de kwanzas é a multa a ser paga pelo armador do navio pesqueiro ucraniano "Olutorsky", de bandeira camaronesa, pela pesca de mais de 800 toneladas de carapau, em tempo de veda da espécie pelágica.

O governo angolano, através do Ministério da Agricultura e Pescas, proíbe a captura do carapau no chamado período de veda, que vai de 1 de Junho até 31 de Agosto, para a conservação e recuperação da biomassa dessa espécie.

ANGOLA

DELEGADO DO INTERIOR DE BENGUELA RECEBE DELEGAÇÃO DO PORTO DO LOBITO

O Delegado do Interior e Comandante Provincial da Polícia Nacional em Benguela, Aristófanes Cardoso dos Santos, recebeu em audiência, nas instalações da Delegação Provincial de Benguela, Celso Rodrigues de Lemos Rosas, Presidente do Conselho de Administração do Porto do Lobito, acompanhado pelos membros do novo Conselho de Administração.

ANGOLA

Porto do Caio vai alavancar economia de Cabinda

O ministro dos Transportes, Ricardo Viegas de Abreu, considera que o Porto do Caio, que está a ser construído a cerca de 18 quilómetros a norte da cidade de Cabinda, será uma das principais alavancas para o desenvolvimento económico da região.

ANGOLA

Nova gestão do porto do Soyo aposta na formação de quadros

A criação de um plano de ordenamento portuário e a formação de quadros constituem as principais acções a serem desenvolvidas pelo novo Conselho de Administração do Porto do Soyo, na província do Zaire.

A informação foi avançada pelo novo Presidente do Conselho de Administração desta unidade portuária, João Zuma, durante a sua apresentação às autoridades locais, em acto orientado pelo ministro dos Transportes, Ricardo Viegas de Abreu.

VIAJANDO PELA HISTÓRIA EM VÍDEOS

Porto Marítimo do Lobito, Angola | 09.02.1966

Operação de descargas de carvão para exportação nos territórios da África Central, no porto marítimo da cidade do Lobito, Angola. Vídeo do ARQUIVO RTP.

ANGOLA

Governo aposta na modernização do Porto de Luanda

O ministro dos Transportes, Ricardo de Abreu, destacou a aposta do Executivo na modernização do Porto de Luanda, como forma de o tornar mais competitivo, quer a nível nacional, quer a nível regional e internacional.

Numa mensagem dirigida aos responsáveis e trabalhadores da instituição, pelos 75 anos de existência, o governante declara que o Governo procura aumentar a capacidade institucional e de coordenação multidisciplinar, à luz dos princípios e paradigmas internacionais, tirando maior partido do potencial marítimo nacional.

ANGOLA

Navio Baía Farta novamente paralisado devido a avaria

O "Baía Farta", navio oceanográfico de investigação científica comprado à empresa Damen por cerca de 80 milhões de dólares, voltou a avariar e encontra-se paralisado desde Março, desta vez devido a uma anomalia nos sistemas hidráulicos de duas gruas.

Angola vai presidir à Comissão Económica da Comunidade dos Estados da África Central

Angola vai presidir, nos próximos cinco anos, à Comissão Económica da Comunidade Económica dos Estados da África Central (CEEAC), cargo preenchido pelo embaixador Gilberto da Piedade Veríssimo, foi hoje anunciado.

Segundo uma nota do Ministério das Relações Exteriores de Angola, a proposta do país lusófono, apresentada na IX sessão extraordinária do Conselho de Ministros, foi aprovada por todos os Estados-membros, devendo ser submetida à análise dos chefes de Estado e de Governo da organização regional.

ANGOLA

Terminais do Porto do Lobito terão concessionários internacionais

O Ministério dos Transportes está a preparar as condições para as concessões dos terminais de carga geral, de contentores e de mineiro do Porto do Lobito, na província de Benguela, a empresas internacionais.

Falando durante a tomada de posse do novo Conselho de Administração do porto, o ministro dos Transportes, Ricardo D'Abreu, afirmou que, para o efeito, serão contactadas entidades internacionais de referência, por concurso.

ANGOLA

Portos do Soyo, Cabinda e Amboim com novos CA

Os portos de Cabinda, do Soyo e do Amboim contam a partir de dia 22 de Maio com novos Conselhos de Administração (CA), nomeados por despachos conjuntos dos ministros dos Transportes e das Finanças.

Para o Porto de Cabinda, para um mandato de cinco anos, foram nomeados José João Kuvingua, Presidente do Conselho de Administração, Otiniel Niemba da Silva, Manuel Nunes Barata, Elísio Agostinho Rodrigues Neto e Carlos da Cruz Luís como administradores executivos.

ANGOLA

Concurso para o Terminal Multiuso do Porto de Luanda: prazo para propostas alargado

O prazo limite para a apresentação de propostas ao concurso público para a concessão do Terminal Multiusos do Porto de Luanda foi prorrogado até ao dia 29 de Maio, mercê do Estado de Emergência imposto para conter a propagação da pandemia da Covid-19 no país.

A Comissão de Avaliação de Concessões, responsável pelo concurso, anunciou ainda que, dependendo da evolução da pandemia, podem ser decididas prorrogações adicionais ao prazo de apresentação das propostas

Angola defende reconfiguração da Zona de Comércio Livre Africana

O ministro das Relações Exteriores de Angola defendeu, em Luanda, que o processo de criação da Zona de Comércio Livre Continental Africana, como outros no mundo, deverá ser reconfigurado devido à pandemia da covid-19.

Téte António fez a observação na Assembleia Nacional de Angola, que viabilizou hoje por unanimidade o Projeto de Resolução que aprova, para ratificação, o Acordo que cria a Zona de Comércio Livre Continental Africana (ZCLCA).

14 A 18 DE JULHO

Maior feira de negócios de Angola realiza-se na data programada

A 36ª edição da Feira Internacional de Luanda (Filda 2020) será realizada na data programada, não estando previsto qualquer adiamento ou alteração do período da promoção do certame, garantiu o presidente do Conselho de Administração do Grupo Eventos Arena, a empresa que organiza a exposição.

Governo angolano prevê «encaixe expressivo» com concessão do Porto de Luanda

O Governo angolano vai anunciar brevemente o vencedor do concurso internacional para a concessão do Terminal Multiusos do Porto de Luanda, que poderá permitir “encaixe expressivo para o Estado”, segundo o ministro dos Transportes, Ricardo de Abreu.

ANGOLA

Primeiras automotoras do CFB já chegaram ao Lobito

As três automotoras modelo DMU'S - primeiras unidades do género na circulação ferroviária entre as cidades de Benguela e do Lobito - chegaram, dia 15, provenientes de Singapura, mas só devem circular depois do estado de emergência no país face à covid-19.

ANGOLA

Portos de Luanda e do Lobito com nova gestão

As empresas portuárias de Luanda e do Lobito contam com novos Conselhos de Administração (CA), nomeados dia 17 de Abril pelo Presidente da República, João Lourenço.

Assim, exonerou – para o caso do Porto do Lobito – Agostinho Estêvão Felizardo, do cargo de Presidente do Conselho de Administração da empresa (...)

 Vídeo

Porto de Lisboa – 6-7 Dezembro 2012

 “INTEGRAÇÃO DOS PORTOS DE TRANSHIPMENT NA AMÉRICA, ÁFRICA, EUROPA e ÁSIA” - Adalmir José de Sousa (4)

 VIII Congresso da APLOP | Maputo, Março 2015 #1

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #8

 IX Congresso da APLOP | Itajaí, Abril 2016 #1

 Estudo de Mercado do Espaço Aplop, Versão 2.0 [1]

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (4)

 VII Congresso da APLOP - Lobito - Cerimónia de abertura (3)

 VII Congresso da APLOP - Lobito – José Luís Cacho

 Futuro Terminal de Cruzeiros do Rio de Janeiro

 Mindelo e São Vicente com muita morabeza

 Operação Urbana Porto Maravilha - Simulação 3D do Sistema Viário

 Operação Urbana Porto Maravilha - Metodologia Construtiva

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Lisender Borges (1)

 VI CONGRESSO DA APLOP - Painel I – Sandra Augusto

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Francisco Venâncio

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Jorge Luiz de Mello

 VI CONGRESSO DA APLOP - Cerimónia de Abertura - Marta Mapilele

 Porto de Luanda - 1955

 Constituição da APLOP - 13.05.2011 - Primeiros momentos

 Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)

Constituição da APLOP - João Carvalho (IPTM) e José Luís Cacho (APP)